Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No Tempo Certo

Quando o olhar inchado
Lançar rugas na flor do verão;
Quando a ventura da sarna
Romper em primaveris esforços
Ao café das manhãs nas mesas;
Poucas teias tapar-lhe-ão a visão.

Poucas rusgas romperão a película
Quando veias sangrarem de montão;
Quando cárneo for o sonho regido
Se houver desobstruções do cérebro
Cumbos albatrozes fuçarão teu fundo
Levantarão milenares poeiras.

Quando a mente camba deleitar-se na rede
E a idéia quede do passado que passa
Golfar topázios em tua cara
É hora de imunizar as bandeiras
Abrir aos povos, teus pavilhões oxidados
À revelia, teu crédito desfraldará a botelha enegrecida.
Cesar Poletto
Enviado por Cesar Poletto em 14/08/2006
Código do texto: T216129

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cesar Poletto
Piracicaba - São Paulo - Brasil
730 textos (34093 leituras)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:21)
Cesar Poletto

Site do Escritor