Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
A bem da verdade...


Imagem pesquisada na Internet.

...a bem da verdade,
poderia começar tudo de novo,
a mesma ilusão traiçoeira,
o mesmo gosto de conhaque,
a velha canção sem enlace...
mas não permito outro começo...
o que passou marcou-me
e jamais seremos os mesmos.
Estamos na arquibancada dos ausentes,
incoerentes como um gol impedido...
o grito preso na garganta,
o chicote,
a bala instalada nas artérias,
o peso morto da ilusão de um dia
ter as mãos enlaçadas nas tuas,
a solidão saciada,
a cumplicidade da dor compartilhada,
o motivo para sorrir, verdadeiro...
a esperança de ver tudo por inteiro,
sem essa mania de fugir da verdade.
Nenhum outro começo sugeriria tanto sonho,
tanta vontade de ir adiante...
derrubar barreiras,
trocar de identidade,
alimentar-se de carinho,
promessas, instintos...
ser feliz por ser,
sem a marca da vitória social,
mas a nossa marca pessoal,
a alegria pelo entendimento,
o perdão pelo arrependimento
de termos nos descoberto tão depois...
depois da queda dos cabelos,
dos pensamentos ingênuos,
da fertilidade tão desejada,
da  vida tão sem sentido,
que por tantas vezes foi negada...
depois do esforço
para nos mantermos em pé
e sempre sozinhos,
carregando no peito
o sentimento de impotência,
talvez por um amor não correspondido,
que além de inconstante,
não foi nada disso...

 
Angela Lara
Enviado por Angela Lara em 21/08/2006
Reeditado em 12/12/2013
Código do texto: T222149
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angela Lara
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
1830 textos (247887 leituras)
53 e-livros (15732 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:15)
Angela Lara