Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

" Bobagens de Amor "




     Um dia pela manhã, ele saiu de casa afirmando que,
definitivamente, jamais voltaria.

     Veio à tarde, e a noite nem bem pensava em cair,
e lá ele retornando, com aquela cara de fujão arrependido.

    Mariazinha disparou em sua direção, jogou-se em
seus abraços, depois se ajoelhou dizendo: - “nunca mais
falo mal do Mengão”.

     Os carinhos multiplicaram-se, sorrisos, toques,
e na cama, uma horinha a mais, todos os dias.
 
    Ela jurou que mudou de time, agora era Mengão,
e ele sorriu embaraçado, se dizendo Fluzão.

    Cada um se tornou o time do outro, que milagre,
e detrás dos corpos que mentiam, dedinhos cruzados
isolando às declarações.

     Vale tudo pelo amor, pensavam eles,
alegres e felizes, dizendo em uníssono, para o mundo: -

     “o primeiro time do meu coração é o meu
meigo e lindo amor. Na reserva, fica o Fla e no banco
o Fluzão...


     

evaldodaveiga@yahoo.com.br

Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 15/09/2006
Reeditado em 06/03/2012
Código do texto: T241081

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313607 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:33)
Evaldo da Veiga