Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONO ENTRECORTADO


Sonhos costurados com pensamentos recorrentes. Olhos abertos passeiam pelas paredes sombreadas, principiam vertigem nos indícios de fantasias. Talvez a leitura da cabeceira possa ancorar a noite numa baía serena. A cautela de se lançar em jornadas do não-eu e alcançar as calmarias... Dispersão quase desatenta. Um estado latente quando tudo se mistura e inquieta. A manhã está próxima. A atenção se equilibra nas palavras escritas, mas não prospera...  Novamente no escuro, os olhos tentam decifrar símbolos espiralados, lêem o silêncio com o murmurinho do que se perde nas sombras matutinas, nos passos apressados, e grita aos sonhos com os ecos ancestrais de uma noite estrelada.

Pela fresta da janela, uma estrela infante ainda se espreguiça no alvo lençol da alvorada... Preguiçosa, ignora o despertar do relógio e fecha os olhos aos pensamentos entrecortados que rompem o dia com novas reticências...
Helena Sut
Enviado por Helena Sut em 16/09/2006
Código do texto: T241373
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Helena Sut
Curitiba - Paraná - Brasil, 47 anos
614 textos (797956 leituras)
2 áudios (1263 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/03/17 03:45)
Helena Sut

Site do Escritor