Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vendo passar

Sentada numa poltrona via uma vida toda passar, palavras não ditas e atitudes não feitas.
Ao olhar do lado observei meu futuro e o que poderia ser reservado para mim se for tão correta em tudo o que faço. Decidi parar de relembrar você.
Ao lembrar de ti, mostrei o caminho que melhor deveria ser seguido, mesmo que o sonho seja mais seguro do que a realidade que via.
Baseado no alcance de algo, vejo-te tenso, esquecido e um pouco morto. Vivo apenas pela imagem, beleza e financeiro.
Ao olhar nos olhos, observo um pouco de homem, um fardo nas costas, rosto pálido e um sorriso amarelo.
Esqueço de lembrar de tudo o que você quis. Abro os braços á  espera de alguém, passo a sua frente sem sinais de fogo. Ao lembrar da vida, percebo as pegadas que foram levadas, as palavras que não foram ouvidas, os afagos que não foram feitos, as distrações que foram rompidas e as pessoas que foram embora sem ao menos você notar. Assim, de repente...sem começo, sem meio e com fim.



Talita Scotto
Enviado por Talita Scotto em 24/09/2006
Reeditado em 10/07/2008
Código do texto: T248406

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Talita Scotto
São Paulo - São Paulo - Brasil
92 textos (10704 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:31)