Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Clã das cicatrizes

Pertenço tambem eu ao clã das cicatrizes.
sou portadora de muitos eus, dentro de mim.
Nao me esquivo ao compromisso, nao me furto a dizer "sim".
Porém se "não' for a palavra, "não" será dito até o fim.
Quantas marcas deixa o tempo, quantas vidas vividas por entre as vidas esquecidas.
Nao só na pele, mas no âmago da alma.
Quantas chegadas....quantas partidas?
Engana-se quem diz que coração nao tem rugas...
Lagrima que rola pela face marca por dentro, queima como fogo...cicatriz.
Deságua no coração, que acolhe, consola,
deixa-se afogar pela magoa, pela dor...e vai ficando marcado...assolado, sulcado entre as veias e artérias...como se imprimido fosse um mapa, de sentires.
Entre os hojes e os ontens, nao marcam tanto todas as dores do mundo...marca sim, a dor silente...cala fundo, faz ferida...a que nao mata, por um triz.
Minha'alma carrega marcas,
indeléveis...muitas delas, outras feias cicatrizes
todas válidas, por certo...foram erro ou acerto
experiências vividas por muitas vidas passadas.
Minha'alma tem marcas...é o mapa traçado por onde andei
cada linha, cada esboço é um momento sagrado
que me trouxe até aqui,que me fez o que sou...
são as pessoas que amei.
Não há rugas nos meus olhos, vê
como a luz tem muitos matizes
é minha alma quem diz:
pertenço ao clã das cicatrizes
da vida, sou aprendiz.



Liane Furiatti
Enviado por Liane Furiatti em 08/10/2006
Reeditado em 20/01/2009
Código do texto: T259424
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
Liane Furiatti
Curitiba - Paraná - Brasil
776 textos (34956 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:24)
Liane Furiatti