Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

De Medos e Sons

A gente vive com medo.
Mastiga medo com café e pão.
Sente medo do muro.
Imenso e mesquinho.
Da luz dentro do peito.
E da ousadia de ser são.
Sente medo do futuro.
Tem medo até do som
heavy metal da guitarra.
Do desejo premente.
Da hipótese do beijo.
Daquilo que não tem jeito.
Da lembrança que amarra.
Do instante recorrente.
E do querer obscuro.
Da língua que vai calar
louca de chuva e tempestade.
Da delícia que há na mente.
Do verbo à flor do olhar.
Da voz possante e grave.
Medo da própria alegria.
Do ronco da cidade.
E do recado no celular.
Da felicidade de repente.
A gente sente medo.
Se arrepia e engole
a palavra certa.
E a boca irradia
a cor salgada do mar.
Tem medo e sorri conformado
com o verso coitado
que o silêncio anuncia.
Acaba morrendo cedo.
De tanto semear calado
esse medo de nascer por dentro.

Ser humano é ser pleno de medos ...

Claudia Gadini
23.07.05



[...nós somos medo e desejo, somos feitos de silêncio e som...  -LuLu Santos]
Claudia Gadini
Enviado por Claudia Gadini em 13/10/2006
Código do texto: T263398

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Claudias Gadini). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudia Gadini
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
318 textos (54196 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:06)
Claudia Gadini