Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Solidão

Solidão, documento de uma vida.
Conclusão de um contrato que não deu certo.
Ou apenas opção de subsistência.
Não interessa!
Assim como o preto é ausência de luz,
Solidão é ausência de alguém...
De alguém, que talvez esteja do meu lado,
Que talvez, tenha tantas vezes me alertado,
Que talvez, tantas vezes eu tenha maltratado,
Que talvez, tenha me amado,
Solidão cegueira da alma...
Perdoe-me, meu coração!
Que direitos tenho de te isolar?
Eu tão insignificante ser,
Tu tantas alegrias me destes,
Perdoe-me, meu coração!
Me destes emoções,
Prazeres sem fim.
Se me perdoares, prometo...
Dar-te-ei a maior de todas as emoções...
Encontrarei um outro coração, que será teu par.
Descansa feliz, agora bate só de felicidade.
Não haverá mais solidão, te abrirei para o mundo,
Amarei novamente, perdoe-me coração, perdoe-me!

IVAN CARVALHO
Enviado por IVAN CARVALHO em 05/11/2006
Código do texto: T283037
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
IVAN CARVALHO
Belém - Pará - Brasil, 51 anos
49 textos (4186 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 06:53)