Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIGO QUE ÉS

Digo que és

Minha estrada da vida
Felicidade de mão única
Que em devaneios e delírios me encontro
Meu recomeço, sem volta...

Digo que és

Meu sonho de amor
Que em versos enfáticos
Inquieta meu ser
E me faz prosseguir...

Digo que és

Meu pão e meu vinho
Que aliança meu espírito
Impelindo-me a te querer
Todos os dias
E nas noites insólitas...

Digo que és

Plenitude de meus pensamentos
Constante e presente
Sugando a razão
Tornando-me exclusivo...

Digo que és

Minha jura eterna
Que se apossa de mim
Realizando promessas
E os desejos meus...

Digo que és

Insana loucura!
Que me abre as entranhas
Satisfazendo os anseios
Que sinto por ti...

Digo que és

Meu desejo
Que aflora e desnuda minha lira
Nas profundas palavras
Dos meus tristes poemas...

Digo que és

Sinfonia de versos
Que compondo crio
A partitura mais linda
Que a simples leitura devora...

Digo que és

Minha verdade
Que nas mentiras
Adormecidas do meu existir
Vergonhas me causam...

Digo que és

Minha Vida
Meus medos e receios,
Sonhos e desejos
Que de ti não abro mão
E por te Amar, não te esqueço...

Digo que és

Estrada de mão única
Caminho sem Volta.
IVAN CARVALHO
Enviado por IVAN CARVALHO em 06/11/2006
Código do texto: T283496
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
IVAN CARVALHO
Belém - Pará - Brasil, 51 anos
49 textos (4186 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:56)