Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Lindo Sonho Virtual

Um lindo sonho Virtual. Ficar a te imaginar, a te inventar. E como um brincar de querer viver uma doce ilusão. Mesmo eu ainda sendo pra você totalmente abstrato. Eu tento te achar por entre os caminhos que eu percorro, mas vejo apenas uma linha paralela e colorida a se formar no horizonte. Não sei dizer ou escrever o que me induz a você, talvez seja essa vontade de te vêr e você não estar. Mas minha alma já vagueia e se perde ao tentar te encontrar. Não te conheço totalmente, mais também já não me permito querer te esquecer. E nesse desencontro eu insisto ousadamente em acompanhar-te, sem você saber. Pois o acaso nos colocou de frente, usando duas carências diferentes e dolorosa. Numa possibilidade de encontro quase nula, e por esse castigo o meu sonho vai se desfazendo. Eu tento adivinhar seus mistérios, mas já sinto todas as suas desilusões. Pego-me acreditando que você realmente existe, por favor continue a induzir-me a essa fantasia. E até quando a dor mais dói, você não se vai e fica a brincar com esse enigma. E nesse desespero de te encontrar erroi ao te buscar em outras bocas, E nesse louco engano o sofrimento machuca até passar da conta. Eu não sonhei esse jeito de te ver em versos, canções e palavras. Conhecer-te seria como ver o mar pela primeira vez. E se quando eu a ver, quero que os meus olhos se vejam dentro dos teus, mas não quero que os faça promessas malucas e curtas como um sonho, para que também não acabe como a emoção de ouvir uma linda música. Como uma cena de novela ou uma marca de baton. Só quero que pulse nas minhas veias e sinta toda a minha emoção. Não me importarei se não quiser sonhar os meus sonhos, mas não me deixe ficar deserto e te renunciar por ser um sonho. Tire-me desse marasmo, me erga e me faça acreditar, que minha vida não ficará sem sentido. Dei-me a certeza que estará em algum lugar a me esperar, Deixa-me ficar um pouco ao teu lado e por alguns instantes, ter o teu corpo invisível para me abrigar. Faça-me sentir um novo sol, enxergar um novo dia. Não quero ter sonho impossível, nem lutar quando é melhor ceder. Nem me deixe negar quando devo assumir esse súbito gostar, Esse gostar que me ajudará a vencer essa angustiosa solidão. Deixe-me continuar a acreditar que os mistérios dos sentimentos fazem existir coisa onde não havia. Que faz brotar felicidade do impossível chão e abre os mais fechados corações. E se um dia me fizeres feliz e se tudo vir acabar, não vou tentar juntar pedaços do que acabou, pois nada irá colar, nada vai trazer de volta a beleza do começo e de ter te conhecido. Valerá muito saber que valeu a pena delirar e morrer de paixão. A vida ensina que sentimentos e palavras são sempre traiçoeiros, Mais porque a própria vida também nos faz viver lindo e enganosos devaneios. Ah! O que importa se uma loucura hoje virar paixão, e amanhã só lembranças. Ter lembranças maravilhosas faz parte da arte de viver, e momentos felizes às vezes são muito raros. Fazemos tudo pra não sofrer por amor, mas estamos sempre à procura desse gostoso sofrer. Não vamos nos sentir culpados nem desesperar, pois ninguém entende nem mesmo o próprio coração.
Walter carvalho
Enviado por Walter carvalho em 27/11/2006
Reeditado em 04/01/2016
Código do texto: T302968
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Walter carvalho
Fortaleza - Ceará - Brasil
39 textos (5128 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:37)
Walter carvalho