Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PARA NÃO DIZERES QUE NÃO TE FALEI DE FLORES

PARA NÃO DIZERES QUE NÃO TE FALEI DE FLORES.





Para uma estrela que se fez flor.






                           


                                São as flores que cedem os seus doces néctares às abelhas, aos colibris e às borboletas.
E nesse rito alado e natural, as flores cedem um pouco se suas vidas sem nada pedirem em troca.
Nesse clima de primitiva ternura, as flores se tornam mais flores, portanto mais belas e mais admiradas.
Porque somente elas detêm o estigma do amor, uma psique encantada do reino vegetal.
É cedendo parte da vida para uma vida maior que aprendemos com as flores: Quão infinito e bom é esse ritual sagrado do amor.

Por isso eu te quero como flor.

Eráclito Alírio





Eráclito Alírio da silveira
Enviado por Eráclito Alírio da silveira em 02/12/2006
Código do texto: T307407
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eráclito Alírio da silveira
Imaruí - Santa Catarina - Brasil, 75 anos
889 textos (142155 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 16:53)
Eráclito Alírio da silveira