Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meus olhos...Minha luz... Minha vida!

És para mim tudo aquilo que não posso ter e tenho
És o silêncio e o som
É tudo que eu não posso ouvir, mas posso falar
Ou posso ouvir e não posso falar?
És a dor e a alegria
Tens a dimensão do tempo
O poder secreto das palavras
O sentimento mais explícito
Das coisas implícitas
És o poema recitado
E o que ainda nem escrevi
És o que sou de mais intenso
Sou...isso mesmo
Sou!
Por que o que eu queria saber sobre você,
Descobri em mim
És o que enche meus pulmões de vida
Os que meus olhos por vezes derramam
És tudo de mais belo e mais feio que tenho em mim
És a felicidade de estar contigo
E a infelicidade da distância
És o doce dos beijos
E o amargo do que eu ainda não provei
És o avesso da escuridão
Luz
És minha luz irradiante
Olhos
Janelas da minha alma
Na verdade és tanto para mim que meus vocábulos são infinitamente insuficientes para definir exatamente o que és.
Apenas termino dizendo que és a mim, na plenitude de tudo que me fizeste ser.
Priscilia Nascimento
Enviado por Priscilia Nascimento em 10/08/2005
Código do texto: T41647
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscilia Nascimento
Recife - Pernambuco - Brasil, 35 anos
222 textos (24431 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:02)
Priscilia Nascimento