Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VELHO AMOR

BUSCO
A TODO CUSTO
CORRIGIR O CURSO
QUE TENHO TOMADO

AFINAL NÃO É MAIS MODERNO,
NÃO É ESTAR NA NEW WAVE,
NÃO É SER TOP-LINE
SER GUIADO PELO CORAÇÃO

AONDE VOU ENTÃO?

É NECESSARIO ENTÃO
BUSCAR UM NOVO TRAÇO
TRILHAR UM NOVO RUMO
PRA SER CIDADÃO DO MUNDO

BASTA UMA NOVA REFLEXÃO
AMAR DE FORMA INTELEGIVEL E ANALITICA
RACIOCINAR O QUE SE DÁ A CADA DETALHE
CADA ATITUDE PENSADA E PESADA

TENHO QUE  TER O CONTROLE
DE MINHA INTELIGENCIA EMOCIONAL
ESTA COISA DE AMOR INRRACIONAL
É COISA DE ANIMAL

ONDE VAMOS PARAR ENTÃO?

NÃO...NÃO SEREI O POETA DE UM
MODO DE SENTIR TÃO MODERNO
SEREI O POETA DE UM BOM E VELHO AMOR
DAQUELE QUE SE CORRE O RISCO
QUE SE SENTE SAUDADE
DAQUELE QUE FAZ CHORAR E QUE FAZ SORRIR,
AQUELE DO LUAR, DAS ESTRELAS, DO MAR...
AQUELE QUE NOS FAZ SONHAR



Sergio Cortes
Enviado por Sergio Cortes em 19/09/2005
Código do texto: T51828
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sergio Cortes
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 53 anos
102 textos (4493 leituras)
4 áudios (127 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:29)
Sergio Cortes