Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANOITECEU



    Osni de Assis e Silva

Manhã manhosa...
Preguiçosa...

Ao longe,
verde.
Muito verde!
Campos e árvores,
tudo verdinho.

Aqui
pertinho,
alguns nadam.
Água azul.
Cabaninhas.
Chalezinhos.
Crianças brincam
e nadam também.
Bancos e lampiões,
vídeo play.
Alguns coqueirinhos.
Alguém,
preguiçosamente,
se estende sobre uma esteira.
Sol acanhado!
Céu um pouco nublado,
mas,
tá gostoso!

Uma mulher
de meia idade,
aprecia as próprias pernas.
Até que não são feias,
Apesar da marca do elástico da meia
em ambas.

Uma outra,
linha e agulha,
faz crochê.
Alguém,
lá da piscina,
faz espirrar água;
a "crocheteira",
pouco molhada,
muda de lugar.
Não quer ser incomodada!

A música,
ora rápida
ora lenta,
acalenta.

Agora sim,
chegou uma morena,
ora rápida
bem simpática,
corpo elegantemente torneado.
Uma visão muito bonita!
Contudo, arre!
Tem alguns corpos,
muito brancos
ou finos demais ou gordos sem conta!
Alguns com estrias já.
Nada pior do que mulher com barriga
e pés feios.
Uma mulher de pés bonitos,
debalde defeitos outros,
sinceramente,
é agradável!

Uma criancinha brinca
com seu regadorzinho
retirando água da piscina;
um menino com a bola.
Uma das mulheres,
desajeitosamente,
nada,
espirra muita água quando dá braçadas
ou na piscina pula!

Passa por nós
gostoso,
um ventinho!

Vejo agora,
lá na crista do morro,
uma plantação de laranjas.
O verde,
as laranjeiras,
o campo,
me lembram do tema "ecologia".

Voa bem alto,
tranqüilo,
um urubu.
E a ponta do pinheiro,
com o peso do vento,
verga maciamente.
O garçom,
ao lado da piscina,
com roupas (claro, sem short),
observa tudo e a todos.
Vem chegando uma agora,
do modo que eu gosto:
- Bustiê decotado,
saia bem comprida,
bem solta,
tipo cigana!

***

Mas....
Nada mais interessante,
os melhores momentos ja usufrui!
Olho para o céu e...
já enxergo uma estrela,
a única,
fecho os molhos...
e agradeço!


***

Anoiteceu!

Karuk
Enviado por Karuk em 24/09/2005
Código do texto: T53471
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Karuk
São João Del Rei - Minas Gerais - Brasil, 76 anos
300 textos (31535 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:35)
Karuk