Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O DIA QUE O SOL BRILHOU MAIS FORTE

O DIA QUE O SOL BRILHOU MAIS FORTE



    Na madrugada de dois de março de 2003 o sol ao nascer brilhou mais forte, e iluminou duas pessoas que se abraçavam deitados numa rede ao ar livre, naquele momento ele viu que ali nasceria algo que seria inigualável, pois viu naqueles dois um sentimento verdadeiro que, como o seu brilho, jamais se apagará.
    Ele soprou sobre nós um suave ventinho, daqueles de primavera que trazem junto com o friozinho um doce e suave perfume, perfume que eu não soube se era das flores que estavam próximas a nós dois, ou se era daquela flor que estava do meu lado, sei que era o mais gostoso e suave perfume que eu já senti na minha vida.
    Olhei para aquela pessoa do meu lado e vi nos seus olhos um brilho tão intenso que ofuscava o brilho do sol. Toquei o seu rosto e senti sua pele quente e macia, toquei seus cabelos e as minhas mãos pareciam estar se deslizando sobre as ondas do mar, seus lábios tocaram nos meus e algo, que jamais senti na vida, me fez perceber que entre nós estava nascendo um sentimento muito forte, percebi que ela também sentia o mesmo, pois tremia.
    O tempo passou e até hoje estamos juntos, e o sol com o seu brilho e o seu calor vem nos dar bom dia todos os dias e lá de sima fica a nos olhar e lembrando daquele dia em que o meu caminho e o dela se cruzaram para sempre, ele sabe que o que há entre nos dois é verdadeiro e imortal, assim como ele.
    Hoje estou longe dela, mas sei que ela estará me esperando com os seus braços abertos e com aquele brilho nos olhos. Estou dando um passo muito grande nas nossas vidas estou realizando o sonho de me formar, e estou garantindo o meu futuro e o dela.
    Espero que ela saiba que quando vou me deitar é nela que eu penso, nos meus sonhos é ela quem eu vejo, e quando eu acordo ela é a primeira pessoa que me vem na cabeça, e assim permanece durante todo o dia, e quando aquele friozinho da manhã vem tocar o meu rosto sinto como se focem as suas mãos a me acariciar, eu olho pro céu e nas nuvens e te vejo a sorrir para mim, daí o meu coração aperta e saudade vem arrasando o meu peito mas aí eu lembro que tudo que nós estamos passando agora é para nos ficarmos juntos para sempre.
    Eu sei tudo que ela esta sentindo mesmo que ela não me diz, eu sei tudo que ela esta passando mesmo que ela não me conte, sei que ela chora ao lembrar de mim, sei de tudo que ela está sentindo pois mesmo longe eu tenho permanecido ao lado dela
    Ela sabe que eu a amo e sabe que tudo o que faço é pensado nela. Vou gritar para todos que a amo, e vou pedir ao vento que leve este grito até ela.

                                    Carlos ulisses de Melo
                                    Uberaba –  MG 26/09/2005
                                                                                                     
Carlos Ulisses
Enviado por Carlos Ulisses em 26/09/2005
Reeditado em 23/04/2006
Código do texto: T53988
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Ulisses
Santo Antônio do Monte - Minas Gerais - Brasil, 30 anos
18 textos (1355 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:56)