Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CIGANA ERRANTE

CIGANA ERRANTE
Marcial Salaverry

Cigana errante,
já amou bastante
nesta tua vida nômade...
Procure um porto seguro,
quem sabe, um amor puro,
alguém que ainda não
vistes em teu baralho,
nem tua bola de cristal detectou,
mas que em tua vida já entrou...
Procure esse teu cigano,
e não caia em outro engano...
Tua liberdade,
é tua felicidade,
e dela tens necessidade,
como do ar que respiras...
Teu cigano também é livre
e apenas quer amar,
e do amor jamais se fartar...
Encontre-o...
Ame-o...
Caminhe com ele pela vida,
sem pensar que ela está perdida...
A vida apenas está começando,
quando se está amando...
Teu cigano está te procurando...
Por aqui e por ali caminhando...
Ouça teu coração,
vai bater mais forte na emoção
do encontro mágico...
Mas será trágico,
se não souber encontrá-lo,
pois não poderá amá-lo...
Que te diz teu baralho, cigana?
Ele nunca se engana,
pois, "as cartas não mentem jamais..."

Marcial Salaverry
Enviado por Marcial Salaverry em 08/10/2005
Código do texto: T57955
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcial Salaverry
Santos - São Paulo - Brasil, 77 anos
19850 textos (1962176 leituras)
3 áudios (855 audições)
6 e-livros (2134 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:28)
Marcial Salaverry