Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ave sem asas

Pergunto…E tu não sabes…qual o meu nome,
Ou aonde fica a minha terra…
Terra sem nome…
Ou simplesmente sem Terra!
Indefinido olhar
Indeferida a palavra
Tristeza alheia que consumo
Roubo ao próximo a vontade de viver,
E assim pelo menos poderei sobreviver…
Para voar, já não há forças
Nem asas…Feridas estão elas
Cortadas pelo frio
Arrancadas por um outro pássaro que partiu
E voo para uma terra com nome
Cansado da tristeza
que esta ave sem nada
trazia ao ar que outrora te inspirou
fazendo respirar e voar...
Joana Sousa Freitas
Enviado por Joana Sousa Freitas em 10/10/2005
Código do texto: T58472
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Joana Sousa Freitas
Portugal, 40 anos
118 textos (7239 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:51)
Joana Sousa Freitas