Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

humano

Humano

Humano, demasiadamente humano.
Eis tudo que não quero ser
Sou progênie de um sangue antigo
Que um amigo me lego ao alvorecer.

Meu destino é correr atrás da vida
Percebida aos que querem reviver
Das entranhas, dos enigmas dos mitos
Acredito ter o dom de convencer...

Para os ídolos dos mortos um aceno,
Obsceno, pois é tudo que aos meus olhos podem ter.
Em tom claro Grito aos mudos distraídos
Convertidos à crença do existir.

Já chegou, ao meu gosto o tempo certo
Um deserto em oásis transformou
Aos que antes vagueavam tão incerto
Uma luz das alturas iluminou....

Evan do Carmo...
Evan do Carmo
Enviado por Evan do Carmo em 24/08/2007
Código do texto: T621627
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evan do Carmo
Taguatinga - Distrito Federal - Brasil, 53 anos
1052 textos (45166 leituras)
13 áudios (1635 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 13:05)
Evan do Carmo