Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
listra de pijama


em outro tempo, docemente,
disseste que vim preencher uma grande lacuna
que havia em tua vida

fiquei a imaginar que tamanho ela teria,
e a desejá-la imensa,
a ponto de querer preencher todo o teu ser

e assim querendo, de ti fiz minha causa
e herdeiro compulsório de seus efeitos

então, renasci, vivi, cantei, ri, gozei, chorei, enlouqueci,
joguei, ganhei, perdi, lembrei, aprendi, achei, semeei, colhi...

enfim, me transformei, e sobretudo, amei...
e versos escrevi pra dizer deste amor

sonhei, esperanças plantei, desejei e fiz planos;
levantei minhas âncoras, girei cento e oitenta graus
e naveguei pra sobrepor o meu sul no teu norte

eis que de repente,
frias e dietéticas palavras ecoam de uma concha endurecida
e encontram aflita ressonância num resto sofrido de coração

suficientemente implícito
pra eu começar a achar que havia sonhado demais
e que aquela tal lacuna nunca passou de uma...

listra de pijama
  
RAUL POUGH
Enviado por RAUL POUGH em 25/10/2005
Reeditado em 24/06/2011
Código do texto: T63309

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
RAUL POUGH
Curitiba - Paraná - Brasil
184 textos (12367 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:23)
RAUL POUGH