Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tributo (Os homens pedem perdão)

Etérea viagem que do canto surge, a distância entre o desejo de uma mulher e a cama transcende a carne, ultrapassa a pálida rigidez do corpo e o simplório gozo que apressa-se em chegar. O prazer nasce nos olhos e flerta com a alma bem antes que a tez encontre eco. Contemplando estrelas, passeia pelo sopro onde o arfar é resposta ao silêncio da servidão.

A porta aberta é apenas o fecho inconclusivo do que no caminho foi descoberto. E ao homem resta saber que no nascer de um novo dia, tornou-se senhor e servo de um querer que desconhecia.
Ferreira de Carvalho
Enviado por Ferreira de Carvalho em 02/09/2007
Código do texto: T635429

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ferreira de Carvalho
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 46 anos
52 textos (3827 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 16:12)
Ferreira de Carvalho