Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

[Versos Alheios]


Acaba-se a noite, e sei que todas as noites podem se acabar, e agora, é apenas mais uma possibilidade... assim como há uma forte possibilidade de que o sol volte a brilhar amanhã.
Sendo um físico nuclear, tenho de pensar em possibilidades — que tudo nesta vida seja uma questão de estatística também é outra forte possibilidade! Seria uma contradição reafirmar que ter certeza não é a minha profissão?!
O sábio, quem é o sábio? A estatística das experiências traz o clarão de saber que não se sabe... nada?! Será?? É ruim, hein... mas também é bom pensar assim... ou nem é, nem está, nada vale nada e tudo vale nada! Olha só: morremos mesmo é por nada! Suprema a ironia de que tudo se resuma em assistir, estarrecido, o Nada baixando sobre mim na asa negra da angústia... sempremente, sempre, sem remédio, nem a calunga-do-campo dá jeito nisso!
Andei longe, de longe venho - mas não deixei rastros... acho que não - por que então guardar o resquício dessa ambição idiota de querer ser lembrado??  Réis-coados, madrugada extinguindo-se no nada, na solidão, resta-me navegar em versos alheios - esses, do companheiro Atahualpa Yupanqui:
    ... A la noche la hizo dios
        para que el hombre la gane,
        transitando por un sueño
        como si fuera una calle...

Vou dormir, vou ganhar o restinho de noite. E não vou pensar em possibilidade alguma; ou seja, vou pensar na morte... Vou pensar em voltar para Minas...
________________
[Penas do Desterro, 07 de setembro de 2007]

 
Carlos Rodolfo Stopa
Enviado por Carlos Rodolfo Stopa em 07/09/2007
Reeditado em 10/07/2012
Código do texto: T642130
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Carlos Rodolfo Stopa e o site http://recantodasletras.uol.com.br/autor.php?id=1377). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Rodolfo Stopa
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
979 textos (48827 leituras)
33 áudios (3335 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 20:12)
Carlos Rodolfo Stopa