Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INSENSATEZ

Por que me imobilizas desse modo, cólera fria e devastadora?
Por que me beijas com esses lábios tão secos e sedentos?
Ânsia, enjôo, desejo e amor... tudo a ti, inclusive a minha estupidez sem nome.
Esta é a minha sentença: que fique tudo selado nas tuas sórdidas entranhas, para saciar tua fome de misérias.

Escrita em 11/09/07.
Joyce Amorim
Enviado por Joyce Amorim em 11/09/2007
Código do texto: T648513
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Joyce Amorim
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 27 anos
141 textos (15807 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 11:10)
Joyce Amorim