Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A natureza e a chuva...

Lágrimas caem do céu.
A natureza em festa.
O brilho d´água nas folhas das flores.
As pétalas das rosas sucumbem,
Da beleza a partilhar a vida...
Um encontro com a mãe terra.

O sorriso que vem,
não é do Sol a brilhar.
É da surpresa depois da decepção,
Um encontro com o vento,
O frescor da manhã.

Chuva...
Qualidade da natureza,
a mostrar sua face.

Na divergência e imprevisão que se respeita...
A Beleza que se desnuda.
Ou não...
Apenas a presença que é.

Independe de aceitação ou compreensão.

Como a chuva,
a beleza  de algumas pessoas,
só nos aparece, após respeitar-lhes
A diferença.
O direito que têm em ser...

E onde a beleza não se desnuda.
A presença que é.
O respeito que cabe.

Um respeito verdadeiro,
Prescinde aceitação, compreensão,
Julgamento, opinião.

E é neste respeito que então...
A chuva se mostra bela!
Ela, uma das faces de Deus!!
A natureza o sabe, sempre faz festa!!
Valeria Trindade
Enviado por Valeria Trindade em 16/09/2007
Código do texto: T655501
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Valeria Trindade
Londrina - Paraná - Brasil, 48 anos
141 textos (25748 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 07:20)