Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nós e os outros

Nós e os outros
Esta noite sentei à mesa e jantei com gente que mal conhecia.
Tínhamos histórias de vidas diferentes, diferentes interesses
Sou do sul da América, eles da América do norte
E tudo que daí deriva e que por vez chamamos sorte.
O vinho, entretanto, mostrou nossa ignorância e nossa irmandade.
Mostrou-nos que no fundo, o que cada um de nós quer e precisa, é apenas ser reconhecido, amado.
Antes de dormir lendo algumas páginas de O Aleph, de Borges,, aprendi que os outros os quais esperamos que nos amem, somos nós mesmos.
Mais! Eu sou também quem eu odeio. Somos espelhos diante de espelhos. Poderia dizer que de alguma forma todos nós fomos Hitler, Stalin, Heráclito.. somos nossos vizinhos, alguém desconhecido  que encontramos na rua e também somos todos os mestres.
Somente poderemos ser salvos como povo, não como indivíduos.O que equivale  a dizer que a espécie é mais importante do que o individuo.
Talvez seja isso o Karma coletivo
Por isso é que Deus e os anjos relevam nossos pecados.
Mas o caso é que eu não sinto que sou quem verdadeiramente amo, ou talvez seja uma parte de mim que ainda não conheço. Eu acho.
Bom este é um paradoxo, sobre o qual ainda tenho que pensar,
à luz do vinho, em uma outra noite. Outros amigos. Em algum outro lugar da América.


New Jersey,Setembro de 2007

Grácio Reis
Enviado por Grácio Reis em 18/09/2007
Reeditado em 25/10/2008
Código do texto: T657081

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Grácio Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil, 64 anos
1314 textos (51478 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 13:13)
Grácio Reis