Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eclipse

Surgem na aurora as primeiras nuvens que te cobrem.
Desapareça na imensa linha onde o céu se junta a terra.
Volta! Volta!
Não precisa esperar pela manhã.
Volta agora! E batiza a noite com a sensação de um orgasmo ocular.
Inverte o papel do eclipse e faz desta noite de extrema escuridão... Dia!
Brilhe agora e suma! Esconda-se por trás da lua, e faça dela cheia.
Torne possível a impossibilidade desse amor.
E agora volte ao azul celeste de seus dias e esqueça por mais alguns anos tua amada lua.
Que esta... Minguante, chora tua ausência e passeia invisível nas manhãs para te ver ao longe e saber que ainda a amas.
Teo Poeta
Enviado por Teo Poeta em 01/10/2007
Reeditado em 07/03/2010
Código do texto: T676122

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (Créditos: Teobaldo Neto/teobaldoneto.blogspot.com). Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Teo Poeta
Cruz das Almas - Bahia - Brasil
90 textos (2522 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 12:54)
Teo Poeta