Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Errante!


Alma que vagueia sem rumo

Do verso faz reverso...

e da solidão seu castigo.

Divaga por noites

livre de máscaras e pesadelos.

Empunha espadas e traça caminhos

num horizonte vazio.

Rompe acordos e quebra promessas,

inunda-se do pecado.

Revoga sua maldição eterna:

amar demais!

Uma alma errante ou

eterna aprendiz no inferno de Dante?

 

Mara Pupin
Enviado por Mara Pupin em 16/10/2007
Reeditado em 16/10/2007
Código do texto: T696599

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mara Pupin
Goiânia - Goiás - Brasil, 50 anos
289 textos (28679 leituras)
3 e-livros (228 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 03:36)
Mara Pupin