Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO VOU

NÃO VOU ARRASTADO NO SOPRO DE CADA VENTO,
NÃO VOU NOS TRILHOS DAS MODAS,
NÃO VOU PELO IMEDIATO,
VEJO NOS OLHOS OS ESPECIAIS DESTE MUNDO,
NÃO VOU PELAS MULTIDÕES CEGAS,
NÃO VOU PELOS AGRADOS,
VOU POR IDEIAS E IDEAIS,
NÃO VOU PELOS SORRISOS HABITUAIS,
QUE NÃO APETECEM SEREM SORRIDOS,
VOU PELOS NÃO SORRISOS E ANALISO,
NÃO VOU COM A MAIORIA,
VOU COM A MINORIA QUE LUTA,
POR ALGO QUE ESTÁ ENVOLTO NA BRUMA,
A QUAL CHAMAM UTOPIA,
POR ESTA VIDA FORA,
ATÉ VER O SOL RAIAR ENTRE AS BRUMAS,
PARA TODOS,
ESSE DIA QUE TARDA A CHEGAR,
QUE TALVEZ NUNCA CHEGUE,
ATÉ AO DIA DE VER ,
O MEU ÚLTIMO DIA CHEGAR.






DEDICADO A BOB DYLAN
http://www.youtube.com/watch?v=YN25Pp0hrOM
http://www.youtube.com/watch?v=WQDeYzUkXOU
jose duarte
Enviado por jose duarte em 26/10/2007
Reeditado em 28/10/2007
Código do texto: T711499

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
jose duarte
Portugal, 48 anos
63 textos (12815 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 18:16)