Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EMOÇÕES DISTRAÍDAS

                                                             A imobilidade das pedras,
                                             e o andar tranquilo dos transeuntes,
                                             afastam as reminicências distantes
                                                       e colocam a vida no agora.
                                              As antigas ilusões são percebidos
                                                        sob um olhar analítico,
                                    distanciado das emoções distraídas,
                 que às vezes confundem a mente e o coração.
            A efemeridade dos momentos vividos vêm à tona
                       e o  presente equivale à eternidade.
                          Nesse instante,frases e rabiscos,
         trazem o mesmo reconforto de uma prece.
  O que vai e o que vem as palavras não dizem.
                           São os paradoxos da vida,
                  que inexplicáveis se fazem .
             
 ABSTRAÇÃO/ DIULINDA GARCIA
 Natal,28/10/07
Diulinda Garcia de Medeiros
Enviado por Diulinda Garcia de Medeiros em 28/10/2007
Reeditado em 01/05/2011
Código do texto: T713827
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Diulinda Garcia de Medeiros
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
265 textos (6901 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:38)
Diulinda Garcia de Medeiros

Site do Escritor