Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PREGAÇÃO


Os críticos, muitas vezes, são incoerentes. Ao mesmo tempo em que afirmam a existência de prosa poética, renegam a poesia-prosa. Quem sabe da poesia é o poeta. Melhor que a prosa, a crítica, a narrativa, o artigo jornalístico, o texto científico, é a poesia _ porque manda na palavra, subjuga-a, envolve-a, desobedece-a.
A poesia é rainha, deusa, musa.Outrora construíram um palácio para nele o sentimento simétrico habitar. Até que foi uma experiência singular. Mas, não se engane, a arquitetura palaciana com suas quadras bem planejadas, seus sons melodiosos e mobiliário requintado não lograram aprisionar o eu lírico, a liberdade de expressão.
Se a poesia quiser, brinca de roda, pula amarelinha, fica de ponta-cabeça, corta as palavras, joga-os ao vento, espalha-as pelos campos, espeta-as nos troncos secos das árvores.
Se a poesia quiser, se deita na relva, se lança ao mar, afunda, emerge.
Se a poesia assim o desejar, namora, noiva, casa, descasa, ama, desama. Se quiser, se lança ao espaço. Muito antes dos astronautas chegou à lua.
A poesia freqüenta qualquer ambiente. Todos! Até cemitérios, como as de Augusto dos Anjos. Até lata de lixo, como a de Manuel Bandeira. Mais ainda: a poesia freqüenta o céu, é amiga íntima dos anjos, amicíssima dos santos. Escreve com eles nas areias das praias.
A poesia não tem horário, não tem limite, não tem idade, não tem planejamento, nem plano. Toma conta não só das palavras, mas das almas, da música. É deusa, está em todos os lugares. Entregue-se, aceite-a no seu coração, pecador. Aproveite esta chance, ela está convidando você. Renove-se na presença da Poesia, seja um novo homem, uma nova criatura. Mude sua vida! Aceite ser arrebatado pela poesia. Amém, ó musas!

                                                                      março de 2005






TÂNIAMENESES
Enviado por TÂNIAMENESES em 08/11/2007
Código do texto: T728572
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
TÂNIAMENESES
Aracaju - Sergipe - Brasil, 69 anos
1682 textos (175314 leituras)
1 áudios (102 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 08:53)
TÂNIAMENESES