Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Consciência da Pele Negra de todos os Brasileiros


Quem aqui nasce
Tem sangue negro nas veias.
Pode negar como for
Mas será notado e apontado
Na sua negra atitude.
Não é aparência que diz a raça,
Mas tudo que em nome dela se faça.
Quem nunca lutou com bravura
Querendo algo em sua loucura.
É a veia que pulsa borbulhante,
De nosso povo guerreiro
Quem muito lutou, morreu
Doou-se por inteiro
Neste solo brasileiro.
Sua horta, seus canteiros.
Para que ganhar espaço?
Nesta terra varonil
Somos todos irmãos
Neste solo mãe “gentil”...
Muitas vezes me envergonho
Pensamentos tão medonhos
Conversar de cor de pele.
Quero algo que se revele
E que mais não se interpele
A resposta está em nós
Vamos todos virar pós.
Para que fechar o cerco?
Desamarrem estes nós!
Acordemos enquanto é tempo.
Se não, só restaram lamentos...
Nelciene Santos
Enviado por Nelciene Santos em 15/11/2007
Código do texto: T737720

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Textos: Nelciene Santos http://recantodasletras.uol.com.br/autores/poesinel). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nelciene Santos
Cabo de Santo Agostinho - Pernambuco - Brasil, 44 anos
1105 textos (68857 leituras)
1 e-livros (34 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 12:27)
Nelciene Santos