Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O medo

O medo

Eu queria falar do amor
Com certeza preferia falar de amor...
Mas tenho que falar do medo
O medo de amar, sonhar, viver, sofrer
O medo do amanhã, das coisas corriqueiras, banais...
O medo de me entregar e do amanhecer
O medo de correr riscos
E até mesmo de arriscar alguns rabiscos
Num poema apaixonado
E assim deixar claro, esse sentimento escancarado
Este medo banal
Que causa-me tanto mal
O medo de ver brotar no jardim uma flor
E sentir o seu cheirinho de jasmim
O medo de que Deus veja tudo dentro de mim
O medo da morte
E o medo de depois da morte...
Ah! medo, porque me persegue?
Deixe-me sentir e ser sempre alegre
Quero abrir meu coração e mostrar a criança que há em mim
E depois sair correndo, pulando e gritando
A alegria é assim...
Medo, vá embora para bem longe
Porque neste coração para você não há lugar.

Minnie Sevla/Ramgad
Minnie Sevla
Enviado por Minnie Sevla em 16/11/2007
Código do texto: T740151

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Minnie Sevla
Paulínia - São Paulo - Brasil
87 textos (3042 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 08:17)
Minnie Sevla