Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pensamentos...

Muitas vezes meu coração parte-se
Noutras, ainda possui a fé que o acalanta
Noutras, idealiza e nestas vezes sente-se feliz.
Mas, há momentos em que o idealizado não se dá
por completo nas ações e finalizações dos atos
E sofro até perceber que alguns pequenos brotos tenros
Nasceram no solo árido das minhas esperanças.
Então volto a ser criança e alimentada de propósitos
Recomeço a caminhada.
A estrada longa se faz diminuida, tudo retorna ao seu lugar,
como uma casa que pra se fazer útil precisa ser desarrumada.
O interior organizado desestrutura-se para abraçar a dor
Sem conseguir ignorá-la por estar ainda presente.
Não há como deixar de sentir ou não abraçar a lágrima derrubada.
Não há como não se voltar pra dentro e buscar os recursos do amor
nas gavetas onde há tantos outros estranhos compromissos.
A tirar e por.
Maria Rita Pereira
Enviado por Maria Rita Pereira em 22/11/2007
Reeditado em 25/08/2008
Código do texto: T747462

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite e nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Rita Pereira
São Paulo - São Paulo - Brasil
108 textos (3629 leituras)
1 e-livros (86 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 07:09)
Maria Rita Pereira