Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AINDA DIVAGANDO

Tenho um espírito indagador. Descrevo órbitas que seguem algum sol, que avança lentamente para regiões crepusculares, onde a penumbra é a soleira do desconhecido.

Traços nítidos revelam os rastros dessa alma alertada contra os desenganos do mundo. Então, decorro por inseguranças dissimulando a contumaz fragilidade e inconstância, vivenciando a transitoriedade que agora culmina em momentos de plena decadência.

Vejo as cortinas de minha escuridão atravessada por outra luminosidade artificial. Fogem-me as perspectivas, cegam-me os falsos brilhos e as ilusões retardatárias, que habitam meu âmago imerso em sonhos cabíveis, parecem suscitar os sentimentos.

Abandono o funeral desiludido, mesmo sabendo que as mortes são constantes nos tantos habitantes de meu amor, desfaço-me dos sintagmas existenciais e traço meus paradigmas. Passado o temporal das mentiras, tenho a paz da verdade agora aqui, comigo.



MORGANA CANTARELLI
Enviado por MORGANA CANTARELLI em 25/11/2007
Reeditado em 30/09/2012
Código do texto: T752330
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
MORGANA CANTARELLI
Volta Redonda - Rio de Janeiro - Brasil
940 textos (85389 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 04:11)
MORGANA CANTARELLI