Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RETALHOS DA VIDA


Retalhos da minha vida fui alinhavando, fui juntando os pedaços que encontrava. Alguns eram coloridos, embora antigos, enfeitados, com brilho, inteiros. Peguei
alguns amarelados, desgastados, nem sei porque os guardei.
Para formar minha colcha de retalhos da vida, bem poucos em forma, achei.
Foi quando percebi, que por longo tempo desta vida, estava passando em vão,  solta num tempo perdido, com retalhos pelo chão.
Mas como sempre acontece, apareceu quem viesse, me ajudar, me dar a mão.
Os retalhos envelhecidos, desbotados, foram descartados, para nada mais serviam.
Separamos os mais bonitos, com brilho, com colorido, alegres, e que estavam escondidos, sob os desbotados, envelhecidos, que não me deixavam a beleza dos retalhos vivos,  perceber. 
Ao fazer minhas escolhas, pegando os retalhos com vida, fui descartando tristezas,
dores, sofrer, desgostos. Juntei tudo de belo guardado, aprontei minha colcha dos retalhos enfeitados, e contrui assim minha nova vida.
Ao refazer essa colcha, verifiquei que igual a vida, o que passou deve ficar na lembrança, mas não querer reviver. O passado é passado, o presente é para se viver.
Jogando fora tristezas, amarguras, dores, incertezas, pegando os retalhos de beleza, enfeitei minha vida de alegria, de humor, de fantasia, de sonhos a realizar.
E com uma nova visão, deixei escapar de meu coração, dores, mágoas,desilusões,
ansiedades, decepções; só deixei uma grande porção de amor, amizade, esperança e coragem para nova vida alinhavar, com tudo de bom, que encontrei no meu coração.
naja
Enviado por naja em 27/11/2007
Código do texto: T755683
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
naja
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1207 textos (235416 leituras)
147 áudios (33062 audições)
525 e-livros (50944 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 03:09)
naja