Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Revolução interior

Há momentos que sentimo-nos meio bicho
Vontade de agir por instinto
De sairmos da nossa condição de humanos racionais
E ser algo ou alguém
Que se realiza com mais facilidade,
Quem sabe uma borboleta
Que ao sair do casulo
Está completa e feliz para sempre
E deveras linda.
Seria mais fácil ser irracional
Para conseguirmos ser mais felizes.
Já que é impossível passar por cima dos atropelos ainda que pequenos
Sem ferirmos ou sairmos feridos.
Ou simplesmente não seguirmos tantas regras
Não sermos politicamente corretos o tempo inteiro
Deixar de seguir tantas etiquetas
Sermos mais livres para sermos nós mesmos.
Exigem-nos demais para sermos felizes
Quando muitas vezes um banho de chuva
Uma brisa no rosto
Os pés descalços na areia
Uma gargalhada
Um bate-papo com um amigo
Um céu estrelado
Uma noite enluarada e uma infinidade de coisas pequenas e corriqueiras
Gera-nos felicidades inesquecíveis.
Por que exigirmos tanto para sermos felizes?
Por que não falamos e fazemos tudo quanto nos satisfaz?
Por que escondemos nosso medo de encarar a vida, de ser feliz
Atrás de tantas regras, etiquetas, racionalidade...?
Precisamos urgentemente deixar de camuflar nossos desejos
E sermos felizes com o a simplicidade das coisas simples e verdadeiras.
Deixemos de ser lagartas e sejamos borboletas!

Virginia de Santana
Enviado por Virginia de Santana em 29/11/2007
Código do texto: T758161
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Virginia de Santana
Anísio de Abreu - Piauí - Brasil, 36 anos
192 textos (35178 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 06:10)
Virginia de Santana