Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Deserto de Mim

Deserto de mim

Chão árido
meu coração está fraco, seco,
é derradeiro o fim
tenho sede...
sede de vida, de sol, de chuva, de mim
de ti que se foi sem ao menos me dar a chance de chorar
simplesmente foi
Coração árido...nada cresce, nada vinga, nem a dor
que parece que também secou
Secou de desesperança pela intemperança de te perder
Hoje sou deserto de mim
nada existe, nem pensamentos bons nem maus
nem esperanças nem frustrações
deserto de mim
onde alguém quem sabe um dia
descubra um oásis...

por enquanto sou só deserto de mim

ROSANE SILVEIRA
Enviado por ROSANE SILVEIRA em 06/12/2007
Código do texto: T766935
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ROSANE SILVEIRA
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
232 textos (20303 leituras)
1 áudios (84 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 21:42)
ROSANE SILVEIRA