Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

desejo

há no desejo açucenas e virgens sem pó
eternidades diárias que voam
sempre que te despes de tudo

há no teu corpo, amainando-me, risos  mapas  fugas
caminhos que subo e desço
cansado de mim

por isso te cubro de flores
sinceras e cruéis
para fugir à terra seca.

são marcos (2003)
Nuno Trinta de Sá
Enviado por Nuno Trinta de Sá em 28/12/2005
Código do texto: T91306
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nuno Trinta de Sá
Portugal, 43 anos
73 textos (1677 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 19:47)