Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Muito prazer, poesia!

Perguntaram-me um dia o que era a poesia
E eu não soube responder
Porque poesia não é mais que magia
Sede de querer e de viver
Que salta dos sonhos do poeta para a vida
Criando ilusões e acendendo os sentidos num bolero apaixonado

Poesia é uma explosão de sentimentos e idéias soltas
Num fogo de artifício colorido e pleno de paixão
Que se transforma de repente em palavras mágicas e transpõe o real
Para o mundo da imaginação, do sonho, da ilusão.

Poesia é olhar para o mar plano e calmo
E vê-lo revolto e apaixonado
É olhar para um pôr do sol e ver o futuro em tons de rosa
É olhar para os olhos de uma criança e ver um jardim colorido
É procurar nos olhos de um velho as rugas dos sentimentos

Poesia é aquilo que não se faz... acontece
É algo que não se procura... existe em cada um de nós
É sentir o mundo de forma musical, com a alma e o corpo por inteiro,
Com a entrega dos amantes e a procura dos infelizes...


Sérgio Corrêa
Enviado por Sérgio Corrêa em 03/01/2006
Código do texto: T93866
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sérgio Corrêa
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 45 anos
68 textos (1744 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:05)
Sérgio Corrêa