Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NOITE DE SOLIDÃO

Tarde da noite, quase madrugada,
Eu aqui, na varanda, sentado
Vendo as nuvens passar em galope,
Encobrindo e descobrindo a lua.
 
Eu aqui, sem nada a fazer,
Sem vontade de ler,
Bem longe da tv,
Apenas olhando as nuvens.

..................................................

Madrugada, quase manhã,
Continuo aqui, ainda sem sono,
A lua sumiu, mudou de lado,
Passou por cima da casa e
Já não posso vê-la.

Também as nuvens se foram.
Apenas aqui e acolá
Pontilham algumas estrelas,
Que também logo desaparecerão
Com a luz do dia.

Estou só e não gosto da sua ausência,
Sinto  saudades de você.
Volta, meu amor, volta logo!
Hegler Horta
Enviado por Hegler Horta em 13/01/2006
Código do texto: T98204
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Hegler Horta
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 70 anos
153 textos (6886 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:04)
Hegler Horta