CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

A evolução da Humanidade

Dizem que o ser humano naturalmente evolui com o passar dos anos.
 Afinal aprendemos a caminhar eretos, descobrimos a utilidade do fogo, da roda e passamos a agir como seres dotados de uma inteligência que certamente contribuirá cada vez mais para o desenvolvimento da humanidade e também do planeta.
Certamente essa evolução nos propiciou coisas que há uns dois séculos nem pensaríamos que pudesse existir.
Acredito que vivemos hoje a melhor época de toda a humanidade, porque temos o grande privilégio de usufruir absolutamente tudo o que há de melhor no universo.
Hoje, quando chegamos em casa, basta abrirmos uma simples torneira que podemos nos deliciar com um belo banho que nos recompõe de um dia estressante de trabalho e, detalhe: o banho é “QUENTE”!
Ainda podemos nos sentir aquecidos nos dias de inverno pelo conforto que o teto do nosso lar pode nos oferecer e quando precisamos nos locomover basta utilizarmos um ônibus, um carro, avião, etc.
Quando sentimos fome, basta comprar o que já está pronto para consumo próprio.
Doenças? Já viram como existe vacina para praticamente tudo ou quase todo tipo de enfermidade?
Temos água com abundância, pelo menos por enquanto, até para cometer levianamente certos excessos.
Avançamos extraordinariamente em tecnologia, na indústria, em pesquisas científicas, na medicina, na criação de recursos, enfim, realmente, se pararmos para pensar, somos seres privilegiados, pois além de dotados dessa inteligência que nos empurra para a tal evolução, ainda fomos agraciados com as dádivas que a natureza nos oferece.
Mesmo assim, quem repara nessas pequenas coisas que a vida moderna nos oferece, ou que a própria natureza nos oferece?
Acredito que uma mínima parte da população do mundo se sente agraciada por não ter de sair em dias frios para caçar a própria comida, não ter de viajar dias até meses para chegar ao destino pretendido, ou não morrer por causa de uma simples febre por falta de um mero antibiótico ou vacina.
Em troca dessa tal e tão almejada evolução o que podemos constatar?
Constata-se que o ser humano parece agir ainda conforme nossos ancestrais, pois vivemos dias de cegueira involuntária e parecemos viver em estado letárgico.
Dia após dia extrapolamos em praticamente todos os sentidos. Nós poluímos, desrespeitamos o meio ambiente, praguejamos nosso dia-a-dia de maneira que não nos preocupamos com o dia de amanhã.
É como se não houvesse o amanhã e ignorássemos o futuro de quem ainda habitará esse planeta por anos e anos.
Nós estudamos, nos especializamos e principalmente somos informados cada vez mais. No entanto nos falta o principal: Conscientização!
Ter consciência de que de nada valerá essa evolução se infelizmente apenas uma minoria se mobilizar no sentido de preservar o que mais temos de precioso, pois não se faz o amanhã apenas com uma minoria consciente.
De fato, evoluímos imensamente, só nos resta saber a que preço!

 


moly jean
Enviado por moly jean em 23/12/2010
Código do texto: T2688523

Comentários

Sobre a autora
moly jean
São Paulo - São Paulo - Brasil
9 textos (2303 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/07/14 14:45)