Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como recuperar o meio ambiente, destruído pelo homem?


                        Atualmente, convivemos com intensa degradação, principalmente do meio ambiente. Falando do que está mais próximo, pode-se dizer que o habitat brasileiro está em processo acelerado de S.O.S. há muitas décadas. Exemplo mais próximo é a do rio Paquequer, principal artéria fluvial do município de Teresópolis. Grande parte da rede de esgoto é jogada diretamente nas águas do histórico Paquequer. Suas águas antes quase cristalinas e piscosas hoje é um esgoto a céu aberto, não se falando do mato quase floresta que cresce e  invade suas margens. Basta ir às principais pontes das vias laterais bem no centro da cidade para comprovar o total abandono e descaso, sem falar da sujeira e má conservação das ruas e calçadas. Teresópolis nunca esteve tão suja como agora.
                       
                      Infelizmente o homem é o maior agente poluidor do planeta. Não sabe usar racionalmente os recursos naturais fornecidos pela mãe natureza. Está difícil de recuperar, ou mesmo reequilibrar os estragos feitos pelo tão famoso “Homo sapiens”. Parece ser sábio, mas na verdade junto a sua inteligência racional está a ignorância e o descaso das leis divinas. Há séculos a natureza vem sendo depredada em nome do progresso e da ganância humana. O vil metal foi, é e sempre será a discórdia da humanidade, até quando o homem conseguir passar por um processo apurado de conscientização e adotar uma política de amor. Tudo é de todos e só explorar o necessário para sobrevivência.
                       
                     Já foi anunciado que a partir do ano 2008 começará a faltar água potável no planeta. O clima enlouquecido com os mandos e desmandos do ser humano para esurpar o máximo que a natureza é capaz de ofertar, promete segundo pesquisas científicas e previsões como a do prof. Jucelino, tsunamis de todo tamanho, degelo dos pólos de maneira acelerada. Verão quando é inverno e vice versa, etc. O homem que se cuide e assuma uma nova postura de modo a agir rapidamente em prol do reequilíbrio do habitat.
                       
                    O que nos compete no aqui e agora é, equacionar as melhores soluções viáveis a curto, médio e longo prazo que visem uma ação de reequilíbrio ecológico. Precisamos de criatividade, boa vontade, coragem e ação para reverter esse quadro devastador. Uma das primeiras atitudes a serem desenvolvidas por todos os setores da sociedade seria o despertar da consciência coletiva para o bem comum. É necessário que o homem melhore. Só assim o mundo melhoraria e o reequilíbrio ao meio ambiente estaria assegurado. O homem precisa se reformar intimamente. Difícil mas é a realidade. Segundo Jan Val Ellan, em um de seus inúmeros textos diz que “... Só teremos futuro se o nosso comportamento político tiver como base a postura amorosa...” Deus fez o mundo para todos. E, todos têm os mesmo direitos. Todos têm o dever de conhecer e praticar uma atitude de respeito ao meio ambiente.   Conseguindo-se isso o resto será fácil.

                             
Pappe
Enviado por Pappe em 21/10/2006
Código do texto: T270126
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pappe
Teresópolis - Rio de Janeiro - Brasil
26 textos (9244 leituras)
2 e-livros (149 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:24)
Pappe