CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

O Jovem do século XXI

O mundo sempre viveu e vivem constantes mudanças, sejam elas políticas, econômicas ou sociais. Tudo se baseia em aceita ou questionar o novo. Dentro desse contexto a juventude de quase todas as gerações, sempre se mostrou como símbolo dessas transformações e mudanças nos vários campos citados; Porém o jovem do novo século tornou-se alienado e incoerente com seu passado e suas atitudes.

Isso pode ser comprovado pelos fatos: Como esquecer o movimento dos caras pintadas onde jovens mobilizaram-se para o impeachment do então presidente Fernando Collor ou mesmo o movimento diretas já, como esquecer o movimento Hippie na década de 70, que buscaram a propagação da paz e do amor.

Atualmente o que se ver é a falta de atitude e a sua pacificação frente às mazelas políticas e sociais. Os jovens perderam os ideais e sua capacidade de transformação, movidos pelo individualismo, egoísmo e soberba.

As suas atitudes também são provas de sua imprudência. Muitos ocupam seu tempo bebendo, farreando com os amigos ou na internet vendo sites de relacionamento. Esquecendo assim dos estudos e de suas reais responsabilidades.

A agressividade também é marca dessa nova geração. As práticas de bullying e vandalismo vêm tomando proporções assustadoras. Evidenciando ainda mais a infantilidade juvenil, pois, Segundo a pesquisa realizada pelo Ibope nas escolas de todo o Brasil, 5.482 alunos, mais de 40,5% dos entrevistados, admitem ter praticado ou ter sido vítimas de bullying; esse já atinge 45% dos estudantes de ensino fundamental do país, seja como agressor, vítima ou em ambas as posições.

Porém é de suma importância destacar que, nem todos são assim. Há uma minoria que ainda é responsável e que luta pelos seus ideais e busca praticar a caridade e a solidariedade, esses são os "Jovens Pontes" que representam apenas 8% de todo a juventude Brasileira.

Sendo assim torna-se fundamental a união de pais e educadores para que juntos possam alertar e reeducar os jovens, para que não mais continuem no erro e que também haja conscientização deles sobre a importância de seu papel social e o quanto ele tem a capacidade de transformar o mundo pois como dizia o Filósofo Sócrates em suas sábias palavras, "O que deve caracterizar a juventude é a modéstia, o pudor, o amor, a moderação, a dedicação, a diligência, a justiça, a educação. São estas as virtudes que devem formar o seu caráter". E é essa a juventude que quero ver novamente brotar nessa nação.

LEIA TAMBÉM:

. PRIMAVERA DE UM NOVO TEMPO ! ARTIGO !
http://www.recantodasletras.com.br/pensamentos/3940795

.Violência no Trânsito, uma guerra silenciosa:  http://www.recantodasletras.com.br/artigos/2849543

. Questão do Bullying, Desrespeitando as diferenças:
http://www.recantodasletras.com.br/artigos/2187105

. Lixo Extraordinário:
http://www.recantodasletras.com.br/artigos/3180803

. Alicerçando uma Utopia: Questão da Moradia no Brasil
http://www.recantodasletras.com.br/artigos/3646392
Arthur Luz
Enviado por Arthur Luz em 19/01/2011
Reeditado em 19/10/2012
Código do texto: T2738986
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Arthur Luz
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 22 anos
450 textos (34519 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/07/14 11:47)