Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dicas para uma boa redação - 3 (coerência, conectivos, termos de ligação e coesão)

Eduardo de Castro Gomes

1. Coerência é um conjunto de informações que confirmam, negam ou esclarecem um argumento. A coerência deixa seu texto com sentido, o leitor entende o que leu. Sem coerência, seus textos não passam de um amontoado de palavras jogadas no papel, ou na tela do computador. O problema é que, na cabeça de alguns autores de redações, o texto já  esclareceu tudo o que se pensou. Não há preocupação em se dar detalhes nem encadeamento, pois se pensa que o leitor vai entender o que se passa na mente de quem escreveu.
2. Conectivos são as conjunções (e, nem, não só… mas também, não só… como também, porém, mas, etc.).
3. Frases de ligação são frases que servem como "ponte" entre as informações, para que a informação seguinte não apareça de forma inesperada. As frases de ligação dão ritmo ao texto e uma informação complementa a outra de forma mais esclarecedora, fazendo o texto parecer deslizar diante dos seus olhos, de modo a ser bem entendido, ou seja, o texto fica coerente. Veja alguns exemplos (conectivos em azul e frase de ligação em verde):

A economia não está sendo bem administrada atualmente, mas, do ponto de vista do economista Fulano de Tal, essa administração ruim é apenas uma consequência das administrações anteriores.
.....
As sociedades ocidentais, como caracteriza fulano, sofrem influências diretamente das religiões judaico-cristãs, não só nas áreas morais, como também na área econômica. Em Sicrano vamos encontrar o seguinte esclarecimento para essas influências:..."

Às vezes, é necessário que uma frase de ligação seja maior que sua informação principal, para dar coerência e coesão ao texto.

4. Coesão é o uso gramatical correto entre as informações, os conectivos e termos de ligação.  As palavras são combinadas ou modificadas para que as pessoas possam comunicar-se com facilidade e precisão.
Agora veja essa análise de um texto simples, que pode ser enxertado de informações importantes, sem usar a famosa “encheção” de linguiça:

a) O texto com frases soltas:
             
Problemas econômicos na Amazônia

A Amazônia é sempre evidenciada mundialmente quando se fala em desmatamento. As enchentes e as vazantes causam muitos problemas. O quilo da farinha custa oito reais.

Um avaliador exigente iria perguntar: o que tem a ver o desmatamento com as cheias e vazantes? E que conclusão é essa com a farinha?

Na mente do autor já está tudo interligado, as coisas já estão relacionadas, ele sabe que suas frases soltas fazem sentido, porque ele já conhece toda a situação. Mas traduzir essas informações em um texto requer conectivos para esclarecer, para haver coerência.



b) Veja agora o texto com as informações necessárias (as frases principais estão em negrito):
                       
Problemas econômicos na Amazônia

A Amazônia é sempre evidenciada mundialmente quando se fala em desmatamento, geralmente associado aos lucros das empresas, que deixam a maioria da população em condições econômicas desfavoráveis.
Porém, as consequências do desmatamento não são o único problema econômico enfrentado pelos moradores da região. As enchentes e as vazantes causam muitos problemas, são fenômenos naturais preocupantes, que acarretam consequências tão agravantes quanto o desmatamento, pois influenciam dramaticamente no bolso do consumidor. Na época da cheia, por exemplo, grande parte da produção de farinha, alimento dos mais abundantes, se perde, e o quilo da farinha chega a custar oito reais. Esse preço é considerado um absurdo pelos moradores da região".

Analisando o texto
Primeira informação:
"A Amazônia é sempre evidenciada mundialmente quando se fala em desmatamento."

Desenvolvemos a primeira informação com explicações que mais adiante vão culminar nas enchentes e vazantes. Para isso, veja a primeira frase de ligação: “geralmente associado aos lucros das empresas, que deixam a maioria da população em condições econômicas desfavoráveis”, e a frase "porém (conectivo), o desmatamento não é o único problema enfrentado pela região".

Segunda informação:
"As enchentes e as vazantes são fenômenos naturais preocupantes."

Frase de ligação que relaciona as enchentes e vazantes ao desmatamento:
"que acarretam consequências tão agravantes quanto o desmatamento",

Frase de ligação entre a segunda informação e a conclusão:
"pois influenciam dramaticamente no bolso do consumidor."

A conclusão, que não foge ao tema da economia, é o exemplo do aumento do preço da farinha, cuja produção é prejudicada pela enchente (viu como uma ideia se liga à outra?):

"Na época da cheia, por exemplo, grande parte da produção de farinha, alimento dos mais abundantes, se perde, e o quilo da farinha chega a custar oito reais. Esse preço é considerado um absurdo pelos moradores da região".

Vejam como o esquema é simples:

DESMATAMENTO => AFETA ECONOMIA => ALÉM DO DESMATAMENTO, A CHEIA E VAZANTE TAMBÉM AFETAM A ECONOMIA => CONCLUSÃO: PREJUÍZO DA PRODUÇÃO E AUMENTO DE PREÇOS DE ALIMENTOS.
Eduardo Escreve
Enviado por Eduardo Escreve em 21/11/2012
Reeditado em 10/06/2015
Código do texto: T3997388
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ao reproduzir, cite a autoria de Eduardo de Castro Gomes e o site eduufam.wix.com/bempensado). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eduardo Escreve
Manaus - Amazonas - Brasil, 48 anos
455 textos (38865 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/09/15 07:52)
Eduardo Escreve

Rádio Poética