Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"NOSSO PASSADO REFLETIRÁ NO PRESENTE E PODERÁ MODIFICAR NOSSA HISTÓRIA NO UNIVERSO" por GÉSNER LAS CASAS = RETALHOS D'ALMA E ESTOU EM CHAMAS =

"MINHA ARTE ATUAL EM 2016"
{VIDA DE RICO É OUTRA COISA}
"ESTOU EM CHAMAS" por GÉSNER LAS CASAS
"NÓS OS KAOZOUX, POSTERIORMENTE NOMEADOS COMO 'DE LAS CASAS', NOS ORGULHAMOS DE NOSSAS ORIGENS CONTEMPORÂNEAS DA ÉPOCA DE JESUS DE NAZARET"
->NOSSA OPINIÃO: QUEM IGNORA O PASSADO DESCONHECE A PRÓPRIA HISTÓRIA. AQUELE QUE NÃO TEM UMA HISTÓRIA NÃO PODE TER UM PASSADO E, JAMAIS TERÁ UM PRESENTE PARA CONSTRUIR UM FUTURO QUE LHE FAÇA JUSTIÇA.
EU SOU UM LAS CASAS QUE, JÁ FOI CASOUX DA JUDEIA, ONDE NASCEU E, VIVEU JESUS DE NAZARETH, O NOSSO CRISTO REDENTOR.
GÉSNER LAS CASAS
RADIALISTA, ARTISTA PLÁSTICO, COMENDADOR DE TOBIAS DE AGUIAR & JORNALISTA “BARTOLOMÉ DE LAS CASAS” PADRE LAS CASAS.

"MINHA ARTE ATUAL EM 2016"
{VIDA DE RICO É OUTRA COISA}
"ESTOU EM CHAMAS" por GÉSNER LAS CASAS
"NÓS OS KAOZOUX, POSTERIORMENTE NOMEADOS COMO 'DE LAS CASAS', NOS ORGULHAMOS DE NOSSAS ORIGENS CONTEMPORÂNEAS DA ÉPOCA DE JESUS DE NAZARET"
BARTOLOMÉ DE LAS CASAS O.P., SEVILHA , 1474 OU 1484 1 - MADRID , JULHO DE 1566, FOI UM ENCOMENDERO ESPANHOL E, EM SEGUIDA, FRADE DOMINICANO , ESCRITOR , FILÓSOFO , TEÓLOGO , JURISTA, BISPO DE CHIAPAS, ENTÃO, TERRITÓRIO SOB A JURISDIÇÃO DA CAPITANIA GERAL DA GUATEMALA, ESCRITOR E APOLOGISTA-CHEFE PARA OS ÍNDIOS SENDO O "ATTORNEY OU UM PROTETOR UNIVERSAL DE TODOS OS ÍNDIOS DAS ÍNDIAS" LATINO-AMERICANO. “FREY BARTOLOMÉ DE LAS CASAS” RELIGIOSO ZAGUEIRO ESPANHOL DOS DIREITOS INDÍGENAS NA COLONIZAÇÃO PRECOCE DA AMÉRICA, EM SEVILHA, 1474 - MADRID, 1566. ELE TINHA UMA TEOLOGIA ORIENTADA BASTANTE AUTODIDATA, FILOSOFIA E DIREITO. ELE FOI PARA A ÍNDIA DEZ ANOS APÓS A SUA DESCOBERTA, EM 1502; NO ESPANHOL, EM SANTO DOMINGO, ELE FOI ORDENADO SACERDOTE EM 1512, ELE FOI O PRIMEIRO A FAZÊ-LO NO NOVO MUNDO, E UM ANO DEPOIS FOI COMO CAPELÃO NA EXPEDIÇÃO QUE CONQUISTOU CUBA. MOVIDO PELOS ABUSOS DOS COLONOS ESPANHÓIS PARA OS ÍNDIOS E A EXTINÇÃO GRADUAL DESTES, REALIZADAS DESDE UMA CAMPANHA PARA DEFENDER OS DIREITOS HUMANOS DOS ÍNDIOS; PARA DEFINIR UM EXEMPLO, ELE COMEÇOU A RESIGNAR-SE À PARCELA QUE HAVIA CONCEDIDO O GOVERNADOR DE CUBA, DENUNCIANDO ESTA INSTITUIÇÃO ESPANHOLA COMO UMA FORMA DE ESCRAVIDÃO DISFARÇADA DOS ÍNDIOS EM 1514. FREY BARTOLOMÉ DE LAS CASAS, INSISTINDO NO EVANGELISMO COMO A ÚNICA JUSTIFICAÇÃO PARA A PRESENÇA ESPANHOLA NA AMÉRICA, A COROA PROPOSTA PARA REFORMAR AS LEIS DAS ÍNDIAS, O QUE NA PRÁTICA SE REVELOU INEFICAZ PARA CONTER ABUSOS. LAS CASAS PROPÔS A SUPRESSÃO DA CARGA COMO UMA FORMA DE RECOMPENSAR OS COLONOS E REPENSAR A COLONIZAÇÃO DO CONTINENTE NA BASE DE FORMAR COMUNIDADES MISTAS DE CAMPONESES INDÍGENAS E CASTELHANOS, NO SENTIDO DE UMA ECONOMIA AGRÍCOLA COLONIAL DO QUE A MINERAÇÃO; PARA A ILHA DE ESPANHOL, DADO O COLAPSO DA POPULAÇÃO INDÍGENA E SUA SUPOSTA INCAPACIDADE PARA O TRABALHO, PROPÔS UMA COLONIZAÇÃO INTEIRAMENTE ESPANHOLA REFORÇOU A IMPORTAÇÃO DE ESCRAVOS AFRICANOS, CUJA EXPLORAÇÃO CONSIDERADA LEGÍTIMA, NUM EXCESSO DE ZELO PARA PROTEGER OS ÍNDIOS. O ACESSO AO TRONO DE CHARLES I PERMITIDO LAS CASAS SER OUVIDO EM TRIBUNAL, DE MODO QUE EM 1520 A COROA ENCOMENDOU UM PLANO DE LIQUIDAÇÃO NO CONTINENTE COMO AS SUAS PROPOSTAS; MAS O PROJETO FALHOU DEVIDO À RESISTÊNCIA DOS ÍNDIOS, REPRESÁLIAS DOS COLONIZADORES E DOS POBRES SELECÇÃO DE PESSOAL, MUITOS PARTICIPANTES INSCRITOS NO MOVIMENTO DAS COMUNIDADES DE CASTELA, FUGINDO DA PERSEGUIÇÃO CONSEQUENTE DERROTA; FORÇADO A COMPROMETER-SE EM PRINCÍPIOS DE APOIO LOCAL, EVENTUALMENTE, ABANDONAR O ESFORÇO EM 1522. ATÉ ENTÃO, ELE DECIDIU ENTRAR NA ORDEM DOMINICANA EM 1523, POR RAZÕES RELIGIOSAS E ESTRATÉGICAS, POIS A ORDEM TINHA VINDO A DEFENDER A DIGNIDADE DOS ÍNDIOS DESDE O INÍCIO DA CONQUISTA, CONTRA OS FRANCISCANOS, QUE DETINHA O PONTO DE VISTA DOS COLONIZADORES. EM 1537-38 ELE DIRIGIU OUTRA EMPRESA DA COLONIZAÇÃO NA GUATEMALA, DESTA VEZ BEM SUCEDIDO COM, COMO ELE GANHOU O CONTROLE DO TERRITÓRIO POR MEIOS PACÍFICOS E BANIDO, PORTANTO, A PRÁTICA DA COBRANÇA, EMBORA O TRIBUTO INDÍGENA IMPLANTADO NO LUGAR LEVOU MUITAS VEZES SERVIDÃO PESSOAL COMO FORMA DE PAGAMENTO. AS IDEIAS DE LAS CASAS FORAM ECOADAS NA METRÓPOLE, ONDE POR VOLTA DE 1540 O DEBATE SOBRE OS TÍTULOS COM QUE A ESPANHA EXERCE DOMÍNIO SOBRE AS ÍNDIAS QUEBROU. NO MESMO PERÍODO DATA A REVISÃO DA LEGISLAÇÃO INDIANA, COM A ADOÇÃO DAS CHAMADAS LEIS NOVAS ENTRE 1542 E 1543, EM QUE ALGUNS PONTOS DE VISTA FORAM REFLETIDOS LAS CASAS: CONSIDERAÇÃO DOS ÍNDIOS COMO HOMENS LIVRES QUE NÃO PODIAM SER ESCRAVIZADOS OU SUBMETIDOS A TRABALHOS FORÇADOS; E A PROIBIÇÃO DE CRIAR NOVAS PARCELAS, IMEDIATAMENTE DISSOLUÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS ECLESIÁSTICOS E REAIS. EM 1543, ALÉM DISSO, LAS CASAS FOI NOMEADO BISPO DE CHIAPAS, NA MÉXICO, EMBORA A HOSTILIDADE DE SEUS PAROQUIANOS PARA AS SUAS EXIGÊNCIAS MORAIS RIGOROSOS O FEZ VOLTAR A CASTELA EM 1547, PARA NUNCA MAIS VOLTAR. A NOVA POLÊMICA SUSTENTADA COM GINÉS DE SEPÚLVEDA SOBRE A LEGALIDADE DA GUERRA CONTRA OS INFIÉIS OS QUE NÃO TINHAM DIVULGADO O EVANGELHO, 1550, REFLETIU-SE NAS INSTRUÇÕES DE 1556, QUE DETERMINAM QUE OS COLONIZADORES ESPANHÓIS UMA ATITUDE PACÍFICA E MISSIONÁRIA PARA OS POVOS DA AMÉRICA AINDA NÃO CONQUISTADOS. DESDE 1551 ATÉ SUA MORTE, LAS CASAS FOI NOMEADO PROCURADOR DOS ÍNDIOS, COM A MISSÃO DE TRANSMITIR QUEIXAS ÀS AUTORIDADES DA POPULAÇÃO INDÍGENA DE A TODA A AMÉRICA ESPANHOLA. INSATISFEITO COM O PROGRESSO E DISPOSTOS A CONTINUAR LUTANDO, APESAR DE RECEBER UMA PENSÃO DA COROA, LAS CASAS, EM 1552, PUBLICOU UMA SÉRIE DE ESCRITOS CRÍTICOS, INCLUINDO OS INCLUÍDOS UM BREVE RELATO DA DESTRUIÇÃO DAS ÍNDIAS ; DENUNCIOU OS ABUSOS DA COLONIZAÇÃO ESPANHOLA COM UMA AMPLITUDE DE VISÃO INCOMPREENSÍVEL PARA O SEU TEMPO, MAS COM TANTA ACRIMÓNIA QUE SERIA USADO PARA FINS DE PROPAGANDA PELOS INIMIGOS DOS HABSBURGOS, AJUDANDO A INCHAR O ASSIM, CHAMADO DE "LENDA NEGRA". QUANDO O REI FERNANDO III DE CASTELA RECONQUISTADA SEVILHA EM 1248 RECEBEU O APOIO INTERNACIONAL PARA A SUA CRUZADA E SUAS TROPAS ELE CONHECEU UM CAVALHEIRO FRANCÊS DA LINHAGEM DO CONDE DE LIMONGES, CUJO NOME ERA DON BARTOLOME DE CASAUX. APÓS A RECONQUISTA DA CIDADE SE ESTABELECERAM LÁ E MUDOU SEU NOME “CASAUX POR LAS CASAS”. DE ACORDO COM UM DE SEUS BIÓGRAFOS, ESTA CASA DE FAMÍLIA FOI JUDEOCONVERSO, EMBORA OUTROS AFIRMAM QUE ELES ERAM CRISTÃOS ANTIGOS. NO FUTURO, O REI ALFONSO XI DE CASTELA, NOMEOU UM MEMBRO DA FAMÍLIA “CASAUX LAS CASAS” COMO "VERDADEIRO GOVERNANTE DOS DECRETOS REAIS E, COMO VEREADOR NÚMERO 24 DO REINO". ESTE NÚMERO FOI ANEXADO À FAMÍLIA ATÉ O SÉCULO XVII, SUCEDENDO A LINHA DA FAMÍLIA DE SEU MANDATO. EM ADIÇÃO, VÁRIOS MEMBROS DA FAMÍLIA, POR VEZES, LAS CASAS FORAM NOMEADOS PARA O CARGO DE TESOUREIRO MAIOR DA ANDALUZIA. “REI JUAN II DEU DON GUILLEN LAS CASAS, "SEVILLA" S MAIS PODEROSO CAVALEIRO", A CIDADE DE MONTILLA E, POR ORDEM DO REI HENRY II DE CASTELA, FOI ENVIADO PARA A FRANÇA PARA OBTER REFORÇOS MILITARES. NO ENTANTO, DON GUILLEN MORRERAM NA BATALHA DO AJARQUIA DE MALAGA. A DON ALONSO DE LAS CASAS FOI ENTREGUE O CASTELO DE PRIEGO , E SEU COMPORTAMENTO NA BATALHA DE LAS LOMAS , FOI FEITO UM CAVALEIRO DO REI. OUTRA LAS CASAS FOI CONCEDIDA POR DECRETO REAL, A CONQUISTA DE TENERIFE E LA PALMA E VAI CONQUISTAR TODA A TERRA. HÁ TAMBÉM FORAM IMPORTANTES LAS CASAS, NO CLERO, INCLUINDO UM DECANO DA CATEDRAL DE SEVILHA E UM MESTRE DA ORDEM DOS PREGADORES: IRMÃO ALBERTO DE LAS CASAS, DE ACORDO COM ANTONIO DE REMESAL, SEU PRIMEIRO BIÓGRAFO, BARTOLOMÉ DE LAS CASAS NASCEU EM SEVILHA EM 1474. NO ENTANTO, HELEN RAND FREGUESIA PESQUISA E HAROLD E. WEIDMAN EM 1976 DETERMINOU QUE A DATA MAIS PROVÁVEL DE NASCIMENTO FOI DE 11 NOVEMBRO 1484 EM TRIANA, EM SEVILHA. JUAN ANTONIO LLORENTE, EM SEU COMPÊNDIO DE OBRAS DE FREY BARTOLOME 1822, DIZ QUE FOI EM 1474 E, FOI PROVAVELMENTE EM 24 DE AGOSTO COMO O DIA DA CELEBRAÇÃO DO MARTÍRIO DO APÓSTOLO SÃO BARTOLOMEU E, SER MUITO COMUMENTE USADO EM ESPANHA COLOCAR AS CRIANÇAS O NOME DO SANTO QUE A IGREJA DIOCESANA COMEMORA O DIA DO NASCIMENTO, QUANDO O PAI 'S NOME, O QUE NÃO OCORRE NESTE CASO, PORQUE O PAI FOI CHAMADO ANTONIO NÃO É DADO. ELE PODE TER NASCIDO EM UMA DAS TRÊS FREGUESIAS: SAN LORENZO, SAN VICENTE OU O MAGDALENA, TODOS LOCALIZADOS NO BAIRRO DE TRIANA, EM SEVILHA. ELE FOI BATIZADO NA CATEDRAL. ELE DEVE TER VIVIDO EM SUA INFÂNCIA OUVINDO UM MONTE SOBRE AS BATALHAS DA RECONQUISTA EM QUE TINHAM PARTICIPADO SUAS FAMÍLIAS E, QUANDO OS REIS CATÓLICOS ESTABELECEU-SE EM SEVILHA, SEU TIO DON ALFONSO DE LAS CASAS FOI UM DOS OITO CAVALEIROS QUE TRANSPORTAM OS PÓLOS DO DOSSEL EM QUE ELES ENTRARAM. ELE FREQUENTOU A ESCOLA PRIMÁRIA, PROVAVELMENTE NO COLÉGIO DE SAN MIGUEL E, SEUS PRIMEIROS CONTATOS COM A VIDA RELIGIOSA DEVE SER AO VISITAR SUA TIA JUANA, QUE ERA UMA FREIRA NO MOSTEIRO DE SANTA MARIA DE LAS DUEÑAS. POSSIVELMENTE EM 1490 FOI ESTUDAR "DOIS DIREITOS", CANÔNICOS E ESTADUAIS, À UNIVERSIDADE DE SALAMANCA. UM MEMBRO DA FAMÍLIA ERA UM SACERDOTE NO CONVENTO DE SAN ESTEBAN, ONDE NAQUELE TEMPO VIVEU CRISTÓVÃO COLOMBO, PARA QUE ELE PUDESSE PARA ENCONTRAR ELE LÁ PRIMEIRO. COLOMBO ERA TAMBÉM UMA PESSOA QUE HAVIA PASSADO LONGOS PERÍODOS EM SEVILLA, CIDADE NATAL DE BARTHOLOMEW. EM 1492 SEU TIO PATERNO, JUAN DE LA PEÑA, PARTICIPOU DA PRIMEIRA VIAGEM DE COLOMBO, QUE DEIXOU O PORTO DE PALOS EM 3 DE AGOSTO DAQUELE ANO. A EXPEDIÇÃO RETORNOU EM 1493 TER DESCOBERTO UMA NOVA ROTA PARA O ÍNDIAS, O QUE GEROU GRANDE EXPECTATIVA. A CAMINHO DE BADALONA PARA APRESENTAR A SUA REALIZAÇÃO AOS REIS, COLUMBUS PASSOU SEVILLA MARÇO 1493 COM SETE AVES INDIANOS E FICOU NAS PROXIMIDADES DA IGREJA DE SÃO NICOLAU PARA EXIBIÇÃO. ESTE FOI TESTEMUNHADO POR BARTOLOMÉ DE LAS CASAS. O PAI DE BARTOLOMEU, O COMERCIANTE PEDRO DE LAS CASAS, EM ABRIL DECIDIU, JUNTO COM SEU IRMÃO FRANCISCO PEÑALOZA, COM O NAVIO DE COLOMBO COM DESTINO ÀS ÍNDIAS PARA A SUA SEGUNDA VIAGEM, QUE PARTIU DE CADIZ EM 25 DE SETEMBRO DE 1493. MAIS TARDE, O PAI PASSOU SEUS IRMÃOS DIEGO E GABRIEL PEÑALOZA. QUANDO A EXPEDIÇÃO RETORNOU TROUXE 600 ÍNDIOS E O PAI DEU A SEU FILHO UM PARA SERVI-LO BARTHOLOMEW. NO ENTANTO, A BARTHOLOMEW INDIANA USADA COMO UM OBJETO DE ESTUDO HUMANISTA, E PERGUNTOU SOBRE SUA RELIGIÃO PARA INVESTIGAR SE ASSEMELHAVA AO CRISTIANISMO. COMO ELE ESTUDOU LATIM EM SALAMANCA E SEVILHA, USOU SEU CONHECIMENTO EM FILOLOGIA E, LATIM PARA ESTUDAR POSSÍVEIS SEMELHANÇAS COM A LÍNGUA. SABENDO A RAINHA ISABEL I DE CASTELA QUE COLOMBO ESTAVA FAZENDO ESCRAVOS PARA OS ÍNDIOS CONDENADA A NÃO TRATAR OS SEUS ASSUNTOS, MAS COMO OUTROS SUJEITOS DA COROA, E ORDENOU A SER PUNIDO COM A PENA DE MORTE PARA QUALQUER UM QUE TIVESSE ÍNDIOS COMO ESCRAVOS. ESTE PRIVADOS BARTOLOMÉ DE LAS CASAS SEU SERVIÇO INDIANO. COLUMBUS ARGUMENTOU QUE OS ÍNDIOS ERAM APENAS ESCRAVOS QUE SE TORNARAM PRISIONEIROS EM "GUERRA JUSTA" E QUE OS COSTUMES ERAM PAGÃOS E, POR VEZES, CANIBAIS E FOI BOM PARA TRAZER CASTILLA FIM DE REMOVÊ-LOS A PARTIR DESSES COSTUMES. A RAINHA RESPONDEU QUE ANDA TRABALHANDO PARA CONVERTÊ-LOS AO CRISTIANISMO EM SUAS TERRAS. ISABEL MORREU EM 1504 E SUA VONTADE PERGUNTOU ERAM BONS E APENAS OS ÍNDIOS, SEM FAZER OFENSAS. POR VOLTA DE 1500 BARTOLOMÉ TERMINOU SEUS ESTUDOS EM SALAMANCA E GANHOU UM LUGAR COMO DOCTRINERO EM UMA EXPEDIÇÃO PARA A ÍNDIA, QUE DEIXOU O PORTO DE SANLUCAR DE BARRAMEDA EM 13 DE FEVEREIRO DE 1502. PARA ALGUNS HISTORIADORES ISSO FOI FEITO PARA FAZER O MÉRITO DE SER FRADE E OUTROS FIZERAM PARA SERVIR AS EMPRESAS PROPRIETÁRIO DE TERRAS QUE SEU PAI TINHA DEIXADO NO CARIBE. ESSA EXPEDIÇÃO FOI LIDERADA POR ANTONIO TORRES E LEVOU COM ELE PARA NICOLAS DE OVANDO, QUE ERA PARA ALIVIAR SEU POSTO DE GOVERNADOR DE ESPANHOL PARA FRANCISCO DE BOBADILLA . BOBADILLA JÁ HAVIA SIDO ENVIADO COMO LEGISTA JUIZ DE INSTRUÇÃO PARA COLON, CHRISTOPHER COLUMBUS FOI PRESO E TINHA SE PROCLAMADO GOVERNADOR, A REALIZAÇÃO DE UMA SÉRIE DE POLÍTICAS DE PRIVATIZAÇÃO DAS TERRAS DESCOBERTAS E DISTRIBUIÇÃO DE ENCOMENDAS. A CHEGADA DE BARTOLOMÉ DE LAS CASAS CHEGOU À ILHA EM 15 DE ABRIL DE 1502. ENTRE AS ATIVIDADES ECONÓMICAS REALIZADAS POR OS ENCOMENDEROS DA CAÇA E CAMPO DE TRABALHO PARA OS SEUS MESTRES FORAM MAIS SUPORTÁVEL, NO ENTANTO, A ATIVIDADE QUE JUSTIFICA A PRESENÇA ESPANHOLA NA ILHA FOI A BUSCA DE OURO E ESTA FOI A ATIVIDADE MAIS DIFÍCIL . QUANDO A EXPEDIÇÃO CHEGOU À ILHA ALGUNS BARCOS ESTAVAM PRONTOS PARA VOLTAR PARA A ESPANHA, ELEVANDO PARA FRANCISCO DE BOBADILLA E, AO MESMO TEMPO, COLOMBO CHEGOU AO ESPANHOL EM SUA QUARTA VIAGEM QUE O NOVO GOVERNADOR, NICOLÁS DE OVANDO, NÃO AUTORIZADOS A DESEMBARCAR. SÓ ENTÃO UM FURACÃO, QUE VARREU QUEBROU SANTO DOMINGO E AFUNDOU NAVIOS QUE TRANSPORTAM FRANCISCO DE BOBADILLA PARA A ESPANHA, COLUMBUS SALVO POR FAZER UMA CHAMADA EM UM RIACHO CONSIDERADO PROPÍCIO PARA RESISTIR À TEMPESTADE. O FURACÃO CAUSOU MUITAS MORTES E, POSTERIORMENTE, ESTA SITUAÇÃO INSALUBRE CAUSOU UMA EPIDEMIA. EXISTEM DIFERENTES VERSÕES DE O PAPEL DE BARTHOLOMEW NESTE MOMENTO. ALGUNS DIZEM QUE FOI EM SANTO DOMINGO E AJUDOU A CURAR O DOENTE DURANTE A EPIDEMIA E OUTROS DIZEM QUE FOI PARA O INTERIOR, GESTÃO DAS SUAS TERRAS. ESTA PRAGA CAUSOU MUITAS MORTES. UM GRUPO DE ESPANHÓIS DECIDIDA A IR CAÇAR TRANSPORTANDO UM CONJUNTO DE CÃES DE RAPINA. ESTES CÃES VEIO SOBRE OS ÍNDIOS ATRAVÉS DA SELVA DE SAONA E ATACARAM UM CHEFE INDÍGENA DO LUGAR DE MATÁ-LO. OS NATIVOS ATACARAM O GRUPO DE ESPANHÓIS QUE, ANTES DE SUA RAIVA, DECIDIU PARA EMBARCAR DE VOLTA À ESPANHA. MAIS TARDE, UM GRUPO DE ESPANHÓIS MONTARAM UM ACAMPAMENTO NA ÁREA A SER ATACADOS COM FLECHAS DE ÍNDIOS, MATANDO OITO. NICOLAS DE OVANDO ENVIOU UM GRUPO DE 300 HOMENS PARA VINGAR LIDERADO POR JUAN DE ESQUIVEL. BARTOLOMÉ DE LAS CASAS ESTAVA NO JOGO. O ESPANHOL VENCEU A GUERRA E O CHEFE COTUBANAMA DECIDIDO A FAZER A PAZ. EM SEGUIDA, OS ESPANHÓIS MONTOU NA FORTALEZA E DEIXOU 9 PESSOAS SOB O CAPITÃO VILLAMAN. NO ENTANTO, OS ÍNDIOS MATARAM TODOS E APENAS UM SOBREVIVEU, ELE FOI PARA SANTO DOMINGO PARA CONTAR O QUE ACONTECEU COM JUAN DE ESQUIVEL. COTUBANO CONVENCEU OS ÍNDIOS DA PROVÍNCIA DE HIGUEY SE REBELAR. QUEBRADO A TRÉGUA, UMA VERDADEIRA GUERRA QUE DUROU 8 OU 9 MESES COMEÇOU. MAS, COMO OS ÍNDIOS ESTAVAM ESCONDIDOS NA SELVA MUITO BEM COM SEUS ARCOS E FLECHAS ENVENENADAS, ELES TIVERAM QUE FAZER PEQUENOS NÚMEROS DE PESSOAS. LAS CASAS LUTOU NA CHEFIA DE HIGUEY SOB O COMANDO DO CAPITÃO DIEGO VELÁZQUEZ DE CUÉLLAR, POR ESSA RAZÃO, ELE RECEBEU UMA PARCELA NA VILLA DE LA CONCEPCIÓN DE LA VEGA, QUE ADMINISTROU ATÉ 1506. FINALMENTE, DEPOIS DE UM MONTE DE MORTOS EM AMBOS OS LADOS, OS ESPANHÓIS CONSEGUIU PARA ENCONTRAR O ESCONDERIJO COTUBANO NA ILHA DE SAONA, PRENDÊ-LO E SER CONDENADO À MORTE POR NICOLAS DE OVANDO. EM 1506, BARTOLOMÉ DE LAS CASAS RETORNOU A SEVILHA, ONDE RECEBEU AS ORDENS MENORES PARA O SACERDÓCIO. EM 1507, ELE VIAJOU PARA ROMA E FOI ORDENADO COMO UM SACERDOTE, MAS ESPEROU ATÉ 1510 PARA CANTAR SUA PRIMEIRA MISSA EM CONCEPCIÓN DE LA VEGA. BARTOLOMÉ DE LAS CASAS RETORNOU À ESPANHA EM 1508. EM SETEMBRO DE 1509 NICOLAS DE OVANDO FOI SUBSTITUÍDO NO GOVERNO DA ILHA DE DIEGO COLOMBO, FILHO DE CRISTÓVÃO COLOMBO. CONCEPCION LAS CASAS COMEÇOU SEU TRABALHO COMO DOCTRINERO, QUE ELE COMBINOU COM O SEU TRABALHO COMO ENCOMENDERO. EM 1510, ELE CHEGOU À ILHA DA ORDEM DOMINICANA, QUE FINALMENTE FOI OS CONTRIBUINTES MAIS SIGNIFICATIVOS FEZ PARA OS DIREITOS DOS ÍNDIOS. OS PRIMEIROS DOMINICANOS QUE VIERAM PARA A ILHA FORAM QUATRO DOS QUAIS APENAS TRÊS NOME CONSERVADO: FREY PEDRO DE CÓRDOBA, FRAY ANTONIO DE MONTESINOS E FREY BERNARDO DE SANTO DOMINGO. POSTERIORMENTE VEIO MAIS, AUMENTANDO O NÚMERO OITO. LOGO ELES COMEÇARAM A SE PREOCUPAR COM OS DIREITOS DOS ABORÍGINES. DOMINGO VÉSPERA DE DEZEMBRO DE 21 1511 OS OITO MEMBROS DA CONGREGAÇÃO FEZ UM DISCURSO QUE FRAY ANTONIO FOI RESPONSÁVEL PELA TRANSMISSÃO E DEFENDEU FORTEMENTE OS ÍNDIOS. ELE CHAMOU SERMÃO DO ADVENTO, E DISSE: PARA DÁROSLO SABER EU TENHO CARREGADO AQUI EU SOU EU SOU A VOZ DE CRISTO NO DESERTO DA ILHA, E, PORTANTO, EU CONCORDO QUE COM CUIDADO, NÃO TODOS, MAS COM TODO O TEU CORAÇÃO E COM TODOS OS SEUS SENTIDOS, OUVIR; QUE SERÁ A MAIS NOVA VOZ JÁ OUVIU FALAR, O MAIS ÁSPERO E MAIS RESISTENTE E MAIS ASSUSTADOR E PERIGOSO DO QUE VOCÊ NUNCA QUIS OUVIR [...] TODOS ESTÃO EM PECADO MORTAL E NELE VOCÊ VIVER E MORRER PELA CRUELDADE E TIRANIA QUE VOCÊ ESSAS PESSOAS INOCENTES. DIZER, QUE DIREITO E JUSTIÇA É QUE VOCÊ MANTENHA EM TAL SERVIDÃO CRUEL E HORRÍVEL PARA ESSES ÍNDIOS? QUE AUTORIDADE TEM VOCÊ TRAVADA TAIS GUERRAS DETESTÁVEIS CONTRA ESTAS PESSOAS, QUE ESTAVAM EM SUA CALMA E PACÍFICA, ONDE O NÚMERO INFINITO DELES, COM A MORTE E ESTRAGOS TERRAS NUNCA OUVI VOCÊ CONSUMIU? COMO VOCÊ MANTÊ-LOS TÃO OPRIMIDO E CANSADO, NÃO ALIMENTÁ-LOS E CURAR SUAS DOENÇAS, O DE EXCESSO DE TRABALHO E DAR-LHES INCORRIDOS VAI MORRER, E MELHOR PARA DIZER QUE VOCÊ MATÁ-LOS, EXTRAIR E ADQUIRIR OURO TODOS OS DIAS? QUAIS SÃO OS CUIDADOS QUE TÊM A DOUTRINA, E CONHECER O SEU CRIADOR DEUS E, E SER BATIZADOS, OUVIR MISSA E MANTER OS FERIADOS E DOMINGOS? SÃO ESTES NÃO SÃO HOMENS? ELES NÃO TÊM ALMAS RACIONAIS? VOCÊ NÃO É OBRIGADO A AMÁ-LOS COMO A TI MESMO? SERÁ QUE ISSO NÃO ENTENDE, ELE NÃO SE SENTE? COMO VOCÊ ESTÁ NESSA PROFUNDIDADE, SONO TÃO LETÁRGICO, DORMINDO? É CERTO QUE, NO ESTADO EM QUE VOCÊ VIVE, NÃO PODE MAIS SALVAR, OS MOUROS E TURCOS QUE NÃO TÊM E NÃO QUEREM A FÉ DE JESUS CRISTO. O SERMÃO GERADO GRANDES PROTESTOS NA ILHA E DIEGO COLÓN FOI FALAR COM FREI PEDRO DE CÓRDOBA CONVENTO DOMINICANO DE EXPULSAR DA ILHA FREY ANTONIO OU PELO MENOS DAR A SEGUINTE SEMANA UM DISCURSO MAIS SUAVE, PACIFICAR OS ESPÍRITOS. GRANDE SURPRESA FOI QUE O PRÓXIMO DOMINGO, O DISCURSO ERA MUITO MAIS BELIGERANTE PELOS ÍNDIOS E DEU CINCO PRINCÍPIOS: QUE AS LEIS DA RELIGIÃO ESTÃO ACIMA DAS LEIS DO INDIVÍDUO EO ESTADO, NÃO SÃO OBSERVADAS DIFERENÇAS RACIAIS NOS OLHOS DE DEUS, QUE A ESCRAVIDÃO E SERVIDÃO SÃO ILEGAIS, O QUE IRIA RESTAURAR AOS ÍNDIOS SUA LIBERDADE E PROPRIEDADE E QUE DEVE CONVERTER OS ÍNDIOS AO CRISTIANISMO POR EXEMPLO. VÁRIOS ENCOMENDEROS E RELIGIOSOS SE QUEIXOU AO REI FERDINAND E PEDIU A EXPULSÃO DOS DOMINICANOS. O PROVINCIAL DOS DOMINICANOS DE CASTELA, ALFONSO DE LOAYSA, VEIO PEDIR FRAY PEDRO DE CÓRDOBA ORDENOU A DEIXAR ESSA ATITUDE, PORQUE ELE ARRISCOU QUE A ORDEM FOI EXPULSO DO NOVO MUNDO. DO ESPANHOL FOI ENVIADO À ESPANHA UM REPRESENTANTE DOS CURADORES, O FRANCISCANO FREI ALONSO DE ESPINAR, E OS DOMINICANOS ENVIOU ANTONIO DE MONTESINOS. REI FERDINAND OUVIU OS DOIS E FICOU ORDENOU UMA REUNIÃO PARA ESTUDAR A SITUAÇÃO DOS ÍNDIOS. ESTA REUNIÃO, REALIZADA EM BURGOS , EM 1512 , E MAIS TARDE EM 1513, AS PRIMEIRAS NORMAS PARA DEFENDER OS NATIVOS SURGIU EM OUTUBRO E TODAS AS NORMAS POSTERIORES VIERAM A CONSTITUIR AS LEIS DE O ÍNDIAS, A PRIMEIRA LEI DE DIREITOS HUMANOS DA HISTÓRIA. EMBORA A SUA APLICAÇÃO NO NOVO MUNDO FOI MUITAS VEZES ESQUECIDO. DEPOIS DISSO SERMÃO ADVENTO LAS CASAS, FOI NEGADA A ABSOLVIÇÃO PORQUE NAQUELA ÉPOCA AINDA MANTEVE SUAS DIVERSIDADES INDÍGENA. LAS CASAS PERMANECEU SEM CHEGAR A ESTE DUELO ENTRE FRADES E ENCOMENDEROS DE ACORDO COM SUA DOCTRINERO TRABALHO E GESTÃO DAS SUAS PARCELAS EM LA CONCEPTION. EM 1511, DIEGO COLÓN DECIDIU QUE ERA HORA DE EXPLORAR O INTERIOR DA ILHA VIZINHA DE CUBA. CAPITÃO DIEGO VELÁZQUEZ CUELLAR PREPAROU UMA EXPEDIÇÃO DE 300 HOMENS EM QUATRO NAVIOS, QUE PARTIU DO PORTO DE SALVATIERRA DE SABANA DIREÇÃO MAISÍ PROVÍNCIA LESTE DE CUBA, E CAIU NO ASSIM, CHAMADO DE PUERTO DE LA PALMA. NO ENTANTO, O CACIQUE HATUEY TINHAM FUGIDO OS ESPANHÓIS NA GUERRA CONTRA COTUBANO E TINHA ORGANIZADO A RESISTÊNCIA EM CUBA. OS ÍNDIOS COMEÇARAM UMA GUERRA DURA CONTRA OS ESPANHÓIS EM CUBA, QUE DUROU TRÊS MESES E TERMINOU COM O EXTERMÍNIO DOS ÍNDIOS REBELDES. 12 ELE ERA NECESSÁRIO PARA CRISTIANIZAR O RESTO, DE MODO QUE EM O PEDIDO DE DIEGO VELÁZQUEZ, NA PRIMAVERA DE 1512, BARTOLOMÉ DE LAS CASAS MUDOU-SE PARA A ILHA DE CUBA COMO UM CAPELÃO EM A EMPRESA DE PÂNFILO DE NARVÁEZ. OS ESPANHÓIS AVANÇARAM AO LONGO DA ILHA ATRAVÉS DA SELVA ESPESSA, CONQUISTANDO CIDADES, CRISTIANIZÁNDOLOS E ESTENDER O DOMÍNIO DA ESPANHA. O TRABALHO DE LAS CASAS FOI MUITO IMPORTANTE PARA ROMPER TRIBOS HOSTIS, COMO SEMPRE ENVIADO A UM AMIGO INDIANO SE A CONVERSAR COM OS ÍNDIOS, E ISSO ERA CONHECIDO COMO O BEHIQUE BOM. NO LIVRO DA BIOGRAFIA DE BARTOLOMÉ DE LAS CASAS, HISTORIADOR HECTOR ANABERGITE, É NARRADO QUE BARTOLOMÉ DE LAS CASAS CONVERSOU COM ÍNDIOS E EXPLICA A DOUTRINA CRISTÃ. OS ÍNDIOS MOSTRARAM PARTICIPATIVOS E CONTOU QUE TINHA HAVIDO UMA RELIGIÃO NO DILÚVIO UNIVERSAL. UM ANCIÃO NATIVO DISSE UM HOMEM SALVOU A HUMANIDADE ACONCHEGAR EM UMA ARCA PARA AS PESSOAS E ANIMAIS. UMA VEZ QUE O HOMEM ADORMECEU BEBER UM VINHO QUE OS CUBANOS FEITO COM VIDEIRAS E UM FILHO DE MÁ RIU, MAS O OUTRO FILHO, QUE ERA BOM, O COBRIU COM COBERTORES. O VELHO ÍNDIO DISSE QUE DESCEU DO MAU FILHO, E ASSIM ESTAVAM NUS, E QUE OS ESPANHÓIS DESCEU O BOM FILHO E, PORTANTO, ESTAVAM VESTIDOS E, RODE CAVALOS. ENTÃO OS ÍNDIOS EXPLICOU QUE TUDO O QUE EXISTIA HAVIA CRIADO AS PESSOAS PROVENIENTES DE TODO SOBRE O MUNDO, E BARTOLOMEU EXPLICOU QUE ESSAS PESSOAS ESTAVAM REALMENTE A SANTÍSSIMA TRINDADE. A FAMA DE LAS CASAS TORNA-SE ESTENDIDO AO REDOR DA ILHA E, COMEÇOU A DESAPARECER O MEDO DOS ESPANHÓIS, QUE TINHAM VINDO DOS ÍNDIOS QUE TINHAM SE REVOLTARAM NO ESPANHOL. BARTHOLOMEW, SEMPRE SIMPÁTICO, COMEÇOU A BATIZAR AS CRIANÇAS E PROMETEU AMOR ETERNO DE DEUS A TODOS AQUELES ÍNDIOS QUE ESCOLHERAM PARA SER BATIZADO. TENENTE NARVAEZ, 25 SOLDADOS ENTROU NA PROVÍNCIA DE BAYAMO, ONDE FORAM ATACADOS POR UM GRANDE NÚMERO DE ÍNDIOS, QUE CONSEGUIRAM PARA REPELIR A AGRESSÃO. TODOS ESSES ÍNDIOS SE REFUGIARAM EM CAMAGÜEY ATÉ QUE ELES CONCORDARAM COM O ESPANHOL E PEDIU AO BEHIQUE PERDÃO E PROTEÇÃO. ELES FORAM POUPADOS E, EM GRATIDÃO, OS ÍNDIOS DEU-LHES NARVAEZ LAS CASAS E A ALGUNS FIOS DE CONTAS RÚSTICO MUITO VALORIZADO POR ELES. EM 1513 OS ESPANHÓIS CHEGARAM NA CIDADE DE CAONAO, ONDE FORAM RECEBIDOS COM UM BANQUETE DE PÃO DE MANDIOCA E PEIXE. NO ENTANTO, O MOTIVO É DESCONHECIDO, OS ESPANHÓIS EXALTADOS ACREDITANDO QUE ELES SERIAM ATACADOS E COMEÇOU A MATAR ÍNDIOS COM SUAS ESPADAS. BARTOLOMÉ DE LAS CASAS TENTOU A PARAR A MATANÇA, MAS OS SOLDADOS QUE NÃO LHE OBEDECEM. FINALMENTE, ELE SE APROXIMOU DE UM JOVEM EM UMA CABANA E DISSE-LHE QUE NÃO É NENHUM PERIGO E QUANDO ELE SAIU, ELE FOI ESFAQUEADO POR UM SOLDADO. ENTÃO ELE PEGOU BARTHOLOMEW E ESTE SÓ TEVE TEMPO PARA BATIZÁ-LO E DEPOIS MORREU. APÓS A MORTE DE CAONAO, NARVAEZ PERGUNTOU-LHE: "O QUE PARECE SER O SEU CULTO DESTOS NOSSO ESPANHOL O QUE ELES FIZERAM?", FAZENDO A PERGUNTA COMO SE O CAPITÃO TINHA PARA NÃO VER ESSAS AÇÕES. LAS CASAS RESPONDEU: "EU OFEREÇO A VOCÊ E, ELES AO DIABO". OS ÍNDIOS COMEÇARAM A ABANDONAR AS SUAS ALDEIAS E CONHECEU SOLDADOS ALDEIAS VAZIAS SEM ALIMENTOS. MAIS TARDE, ELE FOI CONTRATADO PARA LAS CASAS RETORNO AO DIÁLOGO COM OS NATIVOS, QUE ALCANÇADOS ATRAVÉS DE UM INTERMEDIÁRIO E, FINALMENTE, ESTES CHEGARAM A UM ACORDO COM OS ESPANHÓIS. NO ENTANTO, LAS CASAS ESTAVA CHATEADO PORQUE ELE FOI CONVIDADO PARA AJUDAR A RECONCILIAÇÃO, MAS NÃO FOI CONSULTADO DECISÕES MILITARES QUE GERARAM MORTOS, PARA QUE OS NATIVOS PODERIA PENSAR QUE, NA VERDADE, ELE ERA UM BEHIQUE RUIM. OS ESPANHÓIS APRENDERAM QUE PERTO DE HAVANA TINHA ENVIADO PRESOS TRÊS ESPANHÓIS E UM ÍNDIO, QUE TINHAM APRENDIDO A LER, COM UMA CARTA PARA ELE LER. OS ÍNDIOS ACREDITAVAM QUE A CARTA ERA MÁGICO, PORQUE ELES NÃO ENTENDEM QUE UM PAPEL PODERIA DIZER AS COISAS E ALGUMAS ORELHAS AINDA ABORDADOS NO PAPEL PARA VER SE ELES LHES DISSE ALGUMA COISA. 19 LAS CASAS HOSPEDADO EM UMA VILA DE CASAS CONSTRUÍDAS SOBRE PALAFITAS NO MAR, CHAMADO CARAHACT, QUANDO FOI ABORDADO CANOA COM DUAS MULHERES, QUE ERAM OS QUE ESTAVAM EM CATIVEIRO, E EXPLICOU QUE ELES FORAM ACOMPANHADOS, MAS FORAM ATACADOS E QUE SÓ PERDOAVA A DOIS DOS QUAIS SÃO MULHERES, SENDO. NO ENTANTO, AINDA HAVIA UM ESPANHOL EM CATIVEIRO E LAS CASAS ENVIOU CARTAS PARA VIR CHEFES, QUE NÃO FAZEM NADA DE ERRADO. ELES VIERAM E TROUXERAM COMIDA PARA HONRAR OS BRANCOS, NO ENTANTO, NARVAEZ APREENDIDO OS 20 CHEFES E ORDENOU A QUEIMADOS VIVOS. LAS CASAS DISSE-LHE PARA DIZER TUDO O QUE PENSAVA O REI, E MEDO, NARVAEZ RECUOU EM SUA DECISÃO E DECIDIU PARA LIBERAR TODOS, EXCETO UM, EMBORA O MAIS IMPORTANTE. NO ENTANTO, O CAPITÃO DIEGO VELAZQUEZ CHEGOU E ORDENOU QUE ELE TAMBÉM COLOCÁ-LO LIBERTADO. 20 FINALMENTE, OS NATIVOS LIBERADOS EM UMA VILA ESPANHOLA, PABLO MIRANDA. COMO UMA RECOMPENSA POR SUAS AÇÕES DURANTE A CONQUISTA DE CUBA, EM 1514 BARTOLOMEU DE LAS CASAS RECEBEU UMA NOVA DIVISÃO DOS ÍNDIOS NA CANARREO, JUNTO AO RIO ARIMAO, PERTO DE CIENFUEGOS. E, JUNTO COM SEU PARCEIRO DE PEDRO DE RENTERÍA, MANDOU EXTRAIR O OURO DA DEPÓSITOS DE OURO DO RIO. É COMPLETAMENTE FOCADA EM NEGÓCIOS E COMEÇOU A FAMA GANANCIOSO. E, EMBORA OS ÍNDIOS TRATADA COM CUIDADO E ENSINOU-LHES A DOUTRINA DE CRISTO, QUE ORDENOU A SUA EXTRAIR OURO ÍNDIOS CONFIADO EM MINAS E FAZER CIMENTO E TUDO O QUE ELE QUERIA. EM 1514, OS SÓCIOS DECIDIRAM PARA EXPANDIR SEUS NEGÓCIOS E PEDRO DE RENTERIA MUDOU-SE PARA JAMAICA EM BUSCA DE COMIDA, QUE EM CUBA E NA FONTE CURTA. ENTÃO ELES VIERAM PARA OS TRÊS DOMINICANA ESPANHOL: GUTIÉRREZ DE AMPUDIA, PEDRO DE SAN MARTIN E BERNARDO DE SANTO DOMINGO. DISSERAM LAS CASAS, QUE ELE E OS ESFORÇOS QUE ELE TINHA FEITO PARA BUSCAR O BEM-ESTAR DOS NATIVOS SABIA. ISTO O MARCOU PROFUNDAMENTE E COMEÇOU A CONSIDERAR A FINALIDADE DA SUA MISSÃO NO NOVO MUNDO. TORNOU-SE GRADUALMENTE CIENTE DE COMO INJUSTO O SISTEMA E ESTAVA CONVENCIDO DE QUE ELE DEVE "BUSCAR O REMÉDIO DESTE POVO DIVINAMENTE ORDENADO." EM UMA MISSA DE PÁSCOA, ESTANDO EM SANCTI SPIRITUS, ELE FEZ UM DISCURSO NO QUAL ELE CONDENOU OS MAUS-TRATOS DE ÍNDIOS E EXPLICOU EXPERIÊNCIAS SOBRE ELES. ISSO GEROU CRÍTICAS ENTRE AS PESSOAS, NO ENTANTO, ESTAS CRÍTICAS NÃO ERAM TANTO CONTRA O SEU DISCURSO, MAS CONTRA A SUA PESSOA, UMA VEZ QUE LAS CASAS ERA UM ENCOMENDERO E ISSO NÃO ERA JUSTO QUE INSULTOU UM GRUPO AO QUAL ELE PRÓPRIO PERTENCIA. ENTÃO ELE FOI PARA DIEGO VELÁZQUEZ E DISSE QUE ELE NÃO QUERIA PARA CONTINUAR A TER PARCELAS. VELAZQUEZ TENTOU DE PERSUADI-LO, DISSE-LHE QUE ELE ESTAVA FORJANDO UMA MERECIDA COMO UM HOMEM RICO, FUTURO. MAS, LAS CASAS INSISTIU E DISSE QUE A DECISÃO NÃO VOLTARIA A TER SEGREDO ATÉ SEU PARCEIRO DE JAMAICA. ELE ESCREVEU PARA RENTERÍA PARA PEDIR-LHE PARA VOLTAR, PORQUE ELE QUERIA PARA VOLTAR A CASTELA. EM 15 DE AGOSTO, 1514, DIA DA ASSUNÇÃO, COM A IDADE DE TRINTA ANOS, FEZ UM SERMÃO EM SANCTI SPIRITUS ONDE, NA PRESENÇA DE TODOS E VELAZQUEZ DISSE , REITERANDO SUA CRÍTICA E CEDER TODAS AS SUAS ENCOMENDAS ANTES O ESPANTO DE TODOS. QUANDO ELE VOLTOU RENTERIA E LAS CASAS DISSE A ELE SOBRE SUA DECISÃO, LONGE DE FICAR COM RAIVA, SEU EX-PARCEIRO LHE DISSE QUE ELE APOIOU SUAS REIVINDICAÇÕES E COLOCAR À SUA DISPOSIÇÃO TODO O DINHEIRO QUE ELE PRECISAVA. EM 1515 ELE FOI PARA SANTO DOMINGO, NA ESPANHA, PARA FALAR COM O DOMINICANO PEDRO DE CÓRDOBA, QUE ESCUTOU COM PRAZER E LHE DISSE QUE ELES ERAM CONHECIDOS PODEROSOS INTERESSES QUE DEFENDEM O BISPO DE BURGOS JUAN RODRIGUEZ DE FONSECA, COM 800 ÍNDIOS CONFIADAS E SECRETÁRIO LOPES DE CONCHILLOS, GRANDE PROPRIETÁRIO DE TERRAS NAS TERRAS DESCOBERTAS E MUITAS PARCELAS. ESTAS DUAS PERSONALIDADES, PRÓXIMOS AO REI, ELES FORAM TRATADOS ASSUNTOS DE ESTADO. EM SETEMBRO 1515 BARTOLOMEU DE LAS CASAS PARTIU PARA SEVILLA COM FRAY ANTONIO DE MONTESINOS. OS FRADES CHEGARAM EM SEVILHA EM 06 DE OUTUBRO. HÁ QUE VISITOU O CONVENTO DOMINICANO DE SAN PABLO MONTESINOS E APRESENTOU-O A SEUS SUPERIORES, QUE FORAM FELIZ EM AJUDAR E RECOMENDADAS PELO ARCEBISPO DE SEVILHA, FREI DIEGO DE DEZA, UM HOMEM QUE TINHA AJUDADO A COLUMBUS PARA DESCOBRIR AS ÍNDIAS. DIEGO DE DEZA, PERTO DO MONARCA, FOI VISITADO POR LAS CASAS DISSE-LHE A SITUAÇÃO DOS ÍNDIOS E DEZA DECIDIU PARA AJUDAR. ELE ACONSELHOU QUE A ENTREVISTA COM O REI FERDINAND E ENTREGOU-LHE UMA CARTA DE RECOMENDAÇÃO. LAS CASAS FOI ATÉ PLASENCIA, ONDE O TRIBUNAL NAQUELE TEMPO ERA. GRAÇAS AOS ESFORÇOS DA REPÚBLICA DOMINICANA E CONFESSOR DO MONARCA, TOMAS MATIENZO, GERIDO PARA SE ENCONTRAR COM O REI. MAS O REI ESTAVA MUITO DOENTE, DEITADO NA CAMA, E DISSE QUE ELE DEVERIA ADIAR A DECISÃO. MAIS TARDE, ELE SE REUNIU COM JUAN RODRIGUEZ DE FONSECA , QUE, QUANDO ELE OUVIU O SEU FUNDAMENTO, DISSE QUE ELE NÃO SE IMPORTAVA EM TUDO E QUE ELE ERA UM TOLO QUE SE PREOCUPAR COM ISSO. REI FERDINAND TINHA PLANEJADO PARA VIAJAR A SEVILHA E DEZA ARRANJADO OUTRA REUNIÃO ENTRE O MONARCA E LAS CASAS, NO ENTANTO, O MONARCA MORREU NO CAMINHO PARA A CIDADE FRONTEIRIÇA DE MADRIGALEJO. ANTES DE MORRER, ELE DEU A REGÊNCIA DE CARDINAL FREY FRANCISCO JIMÉNEZ CISNEROS, ARCEBISPO DE TOLEDO. LAS CASAS PREPAROU UM TEXTO PARA CISNEROS E UM PARA ADRIAN DE UTRECHT, QUE ERA O TUTOR DO PRÍNCIPE CHARLES, O FUTURO IMPERADOR CARLOS V. CISNEROS PAGOU TODA A ATENÇÃO PARA LAS CASAS, OUVINDO VÁRIAS VEZES. E ADRIANO TAMBÉM DEU UMA BOA CONTA DE SEUS ESCRITOS REMITIÉNDOSELOS O REGENTE. EM A PRESENÇA DE CISNEROS, OS APOIANTES DO CONCHILLOS TORNOU-SE EVIDENTE QUE, DURANTE A LEITURA EM VOZ ALTA DAS LEIS PROCLAMADOS APÓS O CONSELHO DE BURGOS, OMITIU A DIZER QUE TODOS OS ÍNDIOS A TRABALHAR EM FAZENDAS MERECIA UMA LIBRA DE CARNE A CADA SEMANA E EM FESTAS. EM 1516 LAS CASAS ESCREVEU SEU MEMORIAL DE RANCOR, DE REMÉDIOS E RECLAMAÇÕES, O QUE PROVOCOU A SUBSTITUIÇÃO DE FONSECA PELO BISPO DE ÁVILA, FRANCISCO RUIZ, E CONCHILLOS PELO SECRETÁRIO JORGE BARACALDO. ACESSO A DO TRONO DE CHARLES V PERMITIDO LAS CASAS SER OUVIDO EM TRIBUNAL, DE MODO QUE A COROA ENCOMENDOU UM PLANO DE LIQUIDAÇÃO EM O CONTINENTE, AS SUAS PROPOSTAS. EM ABRIL, CISNEROS DECIDIU A ENVIAR TRÊS FRADES JERÓNIMOS PARA A PRÁTICA DO GOVERNO DOS ESPANHÓIS. LAS CASAS FOI ENCOMENDADO CONSELHEIRO DOS FRADES E FOI NOMEADO PROCURADOR OU UM PROTETOR UNIVERSAL DE TODOS OS ÍNDIOS DAS ÍNDIAS, SEMELHANTE A COBRAR PROVEDOR DE JUSTIÇA DA SUÉCIA, QUE FOI INSTITUÍDO EM O INÍCIO DO SÉCULO XIX. BARTOLOMÉ DE LAS CASAS FOI, A PARTIR DAQUELE MOMENTO, PROTETOR DOS ÍNDIOS NAS ILHAS ESPANHOLAS, CUBA, SAN JUAN E JAMAICA, BEM COMO SOBRE O CONTINENTE, REFERINDO-SE AO CONTINENTE AMERICANO. SUA MISSÃO ERA OS JEROMES INFORMAR OS PAIS OU OUTRAS PESSOAS QUE POSSAM COMPREENDÊ-LO SAÚDE E INTEGRIDADE DOS ÍNDIOS. O ALMIRANTE E, OS JUÍZES DE APELAÇÕES ORDENARAM O DEVER DE MANTER ESSE PODER A BARTHOLOMEY DE LAS CASAS, E DESOBEDECÊ-LO IRIA O INFLATOR SER PUNIDO COM O PAGAMENTO DE 10.000 MARAVEDIS. EM 11 DE NOVEMBRO DE 1516, O FREY BARTOLOMEY, TAMBÉM CHAMADO DE BARTOLOMEU DE LAS CASAS, EMBARCOU JUNTO COM OS TRÊS JERÓNIMOS, OS PAIS ÍNDIOS PARA O ESPANHOL CATEQUIZADOR DE ALMAS AO CRISTIANISNO PURO. NO ENTANTO, ELES FIZERAM ASSIM EM DIFERENTES NAVIOS ENGROSSANDO AS FILEIRAS DE ADORADORES DE CRISTO. CHEGANDO EM SAN JUAN, PUERTO RICO, O BARCO AVARIARAM E DE LAS CASAS, TEVE PROLONGAR A SUA ESTADIA PARA HÁ MAIS DUAS SEMANAS. AO CHEGAR AO ESPANHOL COMANDANTE DA PROVÍNCIA, O FREY DE LAS CASAS, PERCEBEU QUE OS TRUSTEES TINHAM GANHO A FAVOR DOS PAIS DE JERÔNIMES. SAUDARAM-LOS COM AS CELEBRAÇÕES DE REUNIÕES RELIGIOSAS E, FORAM INFORMADOS DE QUE AS ACUSAÇÕES DE ERESIAS ERAM NECESSÁRIAS, PORQUE SENÃO OS ÍNDIOS SE REVOLTARIAM E, TAMBÉM TINHAM COSTUMES PAGÃOS PRIMITIVOS, E OS PAIS DOS JERÓNIMOS SIMPLESMENTE IRIAM REMOVER PARCELAS DE INDIVÍDUOS POR NÃO VIVEREM NA ILHA. O FREY DE LAS CASAS, SÓ CONSEGUIU SER RESPEITADO POR ORDENANÇAS QUE DEVERIAM RESPEITAR À LIBERDADE DE ABORIGINAL CONFIADA A JUÍZES E OFICIAIS DO REI DE ESPANHA. EM JUNHO DE 1517 ELE RETORNOU À ESPANHA PARA DIZER A CISNEROS QUE, AS COISAS NÃO ESTAVAM INDO COMO PLANEJADO E QUANDO ELE VEIO PARA SEVILHA APRENDEU QUE O CARDEAL ESTAVA MORRENDO EM ARANDA DE DUERO E, FOI FALAR COM ELE, MAS, DOENTE, DECIDIU POR ADIAR A DECISÃO DEPOIS E, MORREU EM SETEMBRO. PRÍNCIPE CHARLES DESEMBARCOU EM ASTURIAS E VEIO COM UMA GRANDE COMITIVA PARA VALLADOLID. LOGO SE LEVANTARAM OS LADOS MILITARES DA ARMADA PARA TOMAR O PODER. DE UM LADO ESTAVAM OS "ESPANHÓIS", ENCABEÇADOS PELO BISPO FONSECA E LOPES CONCHILLOS, E SOBRE O OUTRO LADO SÃO O "FLAMENGO" ONDE ESTÃO O CHANCELER DE CASTELA; JUAN SAUVAGE, O MAIOR GARÇOM; MONSIEUR DE XEVRES, E GARÇOM PRIVADO; MONSIEUR LAXAO. O PRESIDENTE DE TODOS OS CONSELHOS FOI O CHANCELER, E ESTAVA INDO PARA QUE BARTALOMEY DE LAS CASAS, E FOI CONSIDERADO UM DOS SEUS HOMENS DE CONFIANÇA. EM 1519 O CHANCELER PEDIU A DE LAS CASAS PARA ELABORAR LEGISLAÇÃO PARA REFORMAR MEMORIAIS DE ÍNDIAS, NO ENTANTO SAUVAGE MORREU POUCO DEPOIS DE UMA DOENÇA. EM 1518 DE LAS CASAS, HAVIA ELABORADO UM PLANEJAMENTO DE UM PROJETO DE LEI PARA COLONIZAR TERRAS DE ÍNDIOS COM TRABALHADORES RECRUTADOS EM ESPANHA. ESTA FOI UMA TENTATIVA DE CRIAR UMA EXPERIÊNCIA COLONIAL PACÍFICA EM UM TERRITÓRIO NÃO ENCONTRADO PELOS CONQUISTADORES E ENCOMENDEROS DA ESQUADRA ESPANHOLA. NO ENTANTO, NÃO ERA TER UM DEBATE ACALORADO CONTRA O FRADE FRANCISCANO JUAN DE QUEVEDO, QUE TINHA SIDO NOMEADO BISPO DE SANTA MARÍA LA ANTIGUA DEL DARIÉN, E FALOU EM FAVOR DA ESCRAVIDÃO INDÍGENA. 29 JUAN DE QUEVEDO FOI BASEADO EM ARISTÓTELES PARA ARGUMENTAR QUE AS PESSOAS RUDES E BÁRBARAS SÃO ESCRAVOS POR NATUREZA DA NOBRESA DOMINANTE. O FREY BARTOLOMEY DE LAS CASAS, ARGUMENTOU QUE OS ÍNDIOS PODERIAM SER CIVILIZADO E CAREQUIZADOS EM PAZ E RESPEITANDO A SUA LIBERDADE, PORQUE DEUS LHES TINHA DADO OS MESMOS TALENTOS QUE AO HOMEM BRANCO. COMO PETER MARTYR, EM ABRIL DE 1520 , DE LAS CASAS CONHECEU AS ALDEIAS INDÍGENA TOTONAC QUE, FORAM TOMADAS NA PRESENÇA DO NOVO MONARCA POR ALONSO HERNANDEZ PORTOCARRERO E FRANCISCO DE MONTEJO, AMBOS OS EMISSÁRIOS DE HERNÁN CORTÉS, CONQUISTADOR DO MÉXICO. UM PAR DE MESES MAIS TARDE, EM SANTIAGO DE COMPOSTELA, O CONSELHO DE CASTELA FEZ PARA SI AS IDÉIAS DO FREY BARTOLOMEY DE LAS CASAS, QUE ESTAVA CONVENCIDO DE QUE O TRABALHO DE CONQUISTA E COLONIZAÇÃO DA AMÉRICA DEVE SER EXERCIDO PACIFICAMENTE ATRAVÉS DO ANÚNCIO E DIFUSÃO DA FÉ CATÓLICA PELA CATEQUIZAÇÃO DE TODOS OS SEUS HABITANTES. ASSIM, O CONSELHO DE CASTELA AUTORIZOU-O A REALIZAR O PROJETO DE CATEQUIZAÇÃO PARA CRIAR UMA SOLUÇÃO PACÍFICA NO TERRITÓRIO DE CUMANA, VENEZUELA, POR ISSO ELE APLICOU SUAS TEORIAS CONSISTENTES POVOAR A TERRA, SEM DERRAMAMENTO DE SANGUE E PROCLAMAR A ACEITAÇÃO DO EVANGELHO, SEM BARULHO DE ARMAS. NO ENTANTO, ELES SÃO TEMPOS TURBULENTOS EM ESPANHA. EM TOLEDO, SEGÓVIA, ÁVILA, ZAMORA, SALAMANCA E, VALLADOLID SE REVOLTARAM OS NATURAIS SOB INFLUÊNCIA DE REBELDES CONTRA ‘CHARLES V’ E ISSO RETARDOU OS DECRETOS REAIS QUE BARTHOLOMEW, OU BARTOLOMEY DE LAS CASAS, NECESSÁRIOS PARA O SEU PROJETO EMITIDO. EM SEVILHA, DON JUAN DE FIGUEROA ORGANIZADO UM MOTIM QUE FOI ESMAGADO NO DIA SEGUINTE POR SEUS RIVAIS, OS GUZMANES. O FREY BARTOLOMEY DE LAS CASAS, VEIO APÓS ESSES EVENTOS E FOI INCAPAZ DE ENCONTRAR PARCEIROS E DE CAPITAL FINANCEIRO PARA O SEU PROJECTO E TEVE DE SER CONTIDO COM TRIPULAÇÃO POR UM GRUPO DE 70 REBELDES. CONDENADO E PROIBIDO DE COMANDAR TROPAS GOVERNAMENTAIS, QUE ACOMPANHA ANTES LHE PERMITIA, TEVE DE FUGIR PARA A AMÉRICA. EM 14 DE DEZEMBRO DE 1520 PARTIU PARA PUERTO RICO. ELES CHEGARAM A PORTO RICO COMO EM 10 DE JANEIRO 1521. CHEGOU A ELES A NOTÍCIA DE QUE ALONSO DE OJEDA TINHA COMEÇADO EM TERRA UMA CAÇA AOS ESCRAVOS QUE HAVIA ENFURECIDO OS ABORÍGENES, E, PORTANTO, A ÍNDIOS CHIRIBICHI E MACARAPANA TINHA MATADO TODOS OS FRADES DOMINICANOS QUE SE TINHAM ESTABELECIDO EM CUMANA, TERRITÓRIO A CORRENTE VENEZUELA. O VICE-REI ESPANHOL, DIEGO COLOMBO MANDOU GONZALO DE OCAMPO PARA DAR-LHES UMA LIÇÃO PARA EXEMPLIFICAR AOS NATIVOS. A EXPEDIÇÃO DE OCAMPO CHEGOU COM 300 SOLDADOS PARA SAN JUAN, PUERTO RICO, ONDE ELE PODERIA APRENDER OS PLANOS DO VICE-REI. NO ENTANTO, O FREY LAS CASAS OCAMPO, FALOU E DISSE QUE ELE NÃO PODIA LEVAR A UMA EXPEDIÇÃO MILITAR PARA A TERRA PORQUE TINHA SIDO CONCEDIDA A ELE POR CARTA RÉGIA. OCAMPO CONFIRMOU A VALIDADE DOS DOCUMENTOS DE LAS CASAS, MAS DECIDIU A IGNORAR ISSO. O FREY BARTOLOMEY DE LAS CASAS, FOI PARA SANTO DOMINGO PARA FALAR COM DIEGO COLÓN PARA DAR VALIDADE AOS SEUS TÍTULOS NO NOVO MUNDO, E DEIXOU EM PORTO RICO PARA SEUS AGRICULTORES TRIPULAÇÃO. NO ENTANTO, OS 70 MEMBROS DO FREY DE LAS CASAS, VENDO O RUMO DOS ACONTECIMENTOS, DECIDIRAM PARA SE ALISTAR COM JUAN PONCE DE LEÓN PARA EXPLORAR FLORIDA. DE LAS CASAS FOI RECEBIDO COM FRIEZA PELO ESPANHOL. NÃO FOI ACORDADO PARA DAR UM PAR DE CARAVELAS PARA IR PARA CUMANÁ ONDE ELE DEVE RESOLVER. EM ADIÇÃO, O SEU MENTOR FREY PEDRO DE CÓRDOBA MORREU EM 4 DE MAIO DE 1521. DEPOIS DE PARTICIPAR DO FUNERAL DE 30 DE JULHO 1521 FOI PARA PORTO RICO COM SEUS DOIS CARAVELAS, DA CONCEIÇÃO E SANCTI SPIRITU. LAS CASAS VIAJOU JUNTO COM O SEU SEGUNDO, FRANCISCO DE SOTO, SEU ASSISTENTE CAPELÃO BLAS HERNÁNDEZ E, JUAN DE ZAMORA. DIAS ANTES, A QUESTÃO DA PONCE DE LEON TINHA TERMINADO PORQUE OS ÍNDIOS ATACARAM OS ESPANHÓIS NA FLÓRIDA, MATANDO PONCE DE LEÓN DE UMA QUEDA. NO ENTANTO, DE VEZ EM PUERTO RICO QUE ACOMPANHAM OS AGRICULTORES REJEITADAS. LÁ ELES FORAM INFORMADOS DE QUE BARTHOLOMEW ERA UM MALANDRO QUE EU QUERIA ERA PARA MATÁ-LOS PARA TRABALHAR E QUE SE PERMANECESSEM NA ILHA TÊM ACESSO À TERRA E ÍNDIOS A TRABALHAR PARA ELES. NO ENTANTO, ELE DECIDIU CUMANA DE QUALQUER MANEIRA. LÁ ELE FOI RECEBIDO PELOS FRANCISCANOS. SOLDADOS OCAMPO, QUE ESTAVAM EM UM ACAMPAMENTO NAS PROXIMIDADES, QUE ELES CHAMARAM DE NOVA TOLEDO, NÃO O LEVOU BEM, PORQUE HÁ LAS CASAS DE CAÇA DE ESCRAVOS TINHA ACABADO. OS SOLDADOS ENTÃO SE MUDOU PARA O ESPANHOL, DE ONDE ELES CONTINUARAM FAZENDO INCURSÕES PARA ENCONTRAR ESCRAVOS NA TERRA DE LAS CASAS. ISSO FEZ COM QUE OS GUAIQUERÍES REBELOU-SE E BARTHOLOMEW, CIENTE DO PERIGO PARA O ASSENTAMENTO CHRISTIAN, FOI PROCURAR A AJUDA DE SANTO DOMINGO, EM DEZEMBRO DE 1521. NO ENTANTO, UMA TEMPESTADE QUEBROU E CAIU COM SEU NAVIO YAIQUIMO NO LADO O OPOSTO DO ESPANHOL. SUA SEGUNDA, FRANCISCO DE SOTO APROVEITOU DA AUSÊNCIA DE LAS CASAS DE ORGANIZAR UMA CAÇA AOS ESCRAVOS. OS ÍNDIOS APROVEITARAM A AUSÊNCIA DE LAS CASAS E ATACARAM E QUEIMARAM A MISSÃO EM 10 DE JANEIRO, 1522 E MORTO EM SEU RETORNO A FRANCISCO DE SOTO, O FRANCISCANO FREI DIONÍSIO E ARTILHEIRO ARTIEDA, PODE O RESTO DOS CRISTÃOS ESCAPAR A PENÍNSULA DE ARAYA, DAÍ PARA CUBAGUA E DEPOIS PARA SANTO DOMINGO. LAS CASAS ANDOU YAIQUIMO A SANTO DOMINGO E, NA CHEGADA, DESCOBRIU SOBRE O FRACASSO DE SUA MISSÃO E ENTRAR EM DEPRESSÃO. ELE ACEITOU O CONSELHO DE FREY DOMINGO DE BETANZOS, PARA ENTRAR NO CONVENTO DOMINICANO DE SANTO DOMINGO. NO CONVENTO CONTINUOU COMPARTILHAR E MELHORAR O TRABALHO DE MUITOS ESTUDOS RELIGIOSOS LEI VEM EM DESENVOLVIMENTO NA ESCOLA DE SALAMANCA, SOBRE OS TÍTULOS JUSTOS QUE TIVERAM A COROA DE CASTELA NO NOVO MUNDO E DO ESTADO CIVIL QUE DEVE SER DISPENSADO AOS ÍNDIOS, COMO HOMENS LIVRES, E NÃO ESCRAVOS DA COROA ESPANHOLA. NO O MESMO TEMPO, ELE CRITICOU MUITOS ASPECTOS DA COLONIZAÇÃO DA AMÉRICA, INCLUINDO O SISTEMA DE TAXAS. RETIROU-SE PARA DEDICAR-SE À DO ESTUDO DA TEOLOGIA, A FILOSOFIA E DIREITO CANÓNICO E MEDIEVAL, E COMEÇOU A ESCREVER SUA HISTÓRIA DAS ÍNDIAS. EM 1523, APÓS UM ANO DE NOVICIADO, PROFESSOU NA ORDEM DOS PREGADORES, OU DOMINICANOS. EM 1526 ELE ESCREVEU PARA O PRESIDENTE DA AUDIÊNCIA, ALONSO DE FUENMAYOR, PEDINDO PARA OS ÍNDIOS. PARA ATENDER O ARCEBISPO, QUANTO MAIOR O CONVENTO FOI ENVIADO PARA OUTRO CONVENTO, PUERTO DE LA PLATA, AO NORTE DA ILHA. LÁ, ELE VEIO EM 1527 E PASSOU TRÊS ANOS ESTUDANDO E MEDITAÇÃO. O BISPO DO MÉXICO, FREY JUAN DE ZUMÁRRAGA, E DE TLAXCALA, FREY JULIAN GARCES, APONTOU-O COMO UM REFORMADOR DA ORDEM DOMINICANA NO NOVO MUNDO. EM NOVEMBRO DE 1531 ELE DESEMBARCOU EM VERACRUZ, JUNTO COM FREY TOMÁS DE BERLANGA E PRESIDENTE DA REAL AUDIÊNCIA DE SANTO DOMINGO, DON SEBASTIAN RAMIREZ DE FUENREAL. NO ENTANTO, OS DOMINICANOS DO MÉXICO GANHOU O APOIO DO CONSELHO DA CIDADE E PRESO, EM SEGUIDA, ENVIÁ-LO DE VOLTA PARA O ESPANHOL. EM 1524 FOI CRIADA A REAL E SUPREMO CONSELHO DAS ÍNDIAS, PARA CUIDAR DE TODAS AS QUESTÕES RELACIONADAS COM A POLÍTICA DA AMÉRICA. SEU PRESIDENTE FOI FREY GARCIA DE LOAYSA. DEPOIS DE SUA EXPULSÃO DO VERACRUZ LAS CASAS ESCREVEU UMA LONGA CARTA DESTE CORPO. ESSA CARTA FOI O GERME DE OUTRA OBRA, O MODO DE ÚNICO VOCACIONAIS. EM 1533 UM ENCOMENDERO ARREPENDEU NO LEITO DE MORTE PEDIU FREY BARTOLOMÉ DE LAS CASAS, PARA LIBERAR SUAS CARGAS DE ÍNDIOS. ELE FEZ, NO ENTANTO INIMIZADE DE SEU HERDEIRO, PEDRO DE VADILLO, É GANHO E CONSEGUI-LO PRESO. OS DOMINICANOS IMPEDIRAM A SENTENÇA EM SER CUMPRIDA, MAS FOI CONVIDADO A SER DETIDO EM UM MOSTEIRO DA ORDEM. NO ENTANTO, EM 1534 AS AUTORIDADES AFIRMARAM FREY BARTOLOMÉ. O CHEFE BAHURUCO, QUE FOI NOMEADO ENRIQUE E EDUCADO PELOS FRANCISCANOS, A ACUSAÇÃO TORNOU-SE UM CAVALHEIRO ESPANHOL DE SOBRENOME VENEZUELA, QUE TINHA PROPRIEDADES EM SAN JUAN DE LA MAGUANA. CANSADO DA HUMILHAÇÃO DE SEU MESTRE, QUE LEVOU SUA ÉGUA E SUA ESPOSA FOI PARA OS BOSQUES, ONDE SE JUNTOU A UM GRUPO DE ÍNDIOS REBELDES. ELE CONSEGUIU PARA SE DEFENDER DE ATAQUES QUE FORAM ENVIADAS CONTRA ELES E CRIAR UMA ESPÉCIE DE "REPÚBLICA INDEPENDENTE" UMA EXTENSÃO DE TRINTA LÉGUAS. TAMAYO, CHEFES NATIVOS CIGUAYO E, HENRY SEGUIU O EXEMPLO E DECIDIRAM PARA ORGANIZAR JOGOS CONTRA OS ESPANHÓIS, ATACANDO-OS TODOS, ELES ESTAVAM ARMADOS OU NÃO. OS MÉTODOS DE ATACAR PESSOAS DESARMADAS NÃO GOSTAVA DE HENRY, MAS O ÓDIO DE CONTEÚDO PARA OS ESPANHÓIS ERA TÃO GRANDE QUE ERA DIFÍCIL DE CONTROLAR. SUA REBELIÃO DUROU DEZ ANOS. UM IRMÃO REMÍGIO, FOI ENVIADO PARA PARLAMENTAR PARA SUA CASA, MAS FOI PRESO PELOS ÍNDIOS E ENRIQUE EXPLICOU O MOTIVO DE SUA REBELIÃO. CARLOS V FOI INFORMADO DE QUE HAVIA UM CHEFE REBELDE NO ESPANHOL E ORDENOU QUE FOSSE REDUZIDA, DEPOIS DO QUE, O PRESIDENTE DA AUDIÊNCIA DO ESPANHOL, SEBASTIAN FUENLEAL, PERGUNTOU LAS CASAS PARA INTERVIR NA QUESTÃO. ENRIQUE RECONHECIDO LAS CASAS COMO UM AMIGO. LAS CASAS EXPLICOU AS DESVANTAGENS DE ESTAR FORA DA LEI DOS BRANCOS, COMO PODEROSO ESTES FORAM E QUE NÃO PERMITIRIA QUE ESTA REBELIÃO PARA CONTINUAR. ENRIQUE CHAMADO DE "SEGURO DE VIDA E PERDÃO GERAL, A PRESERVAÇÃO DO SEU DOMÍNIO E PROPRIEDADE E LIBERDADE PARA OS SEUS HOMENS, QUE CONTINUAM A VIVER NA TERRA DE SEUS ANTEPASSADOS, SEM RECEBER QUALQUER DESCONFORTO." OS ESPANHÓIS ACEITO. POR SERVIÇOS PRESTADOS, O TRIBUNAL LEVANTOU BARTOLOMÉ DE LAS CASAS DETENÇÃO, PERMITINDO ACEITAR O CONVITE DE FREI TOMÁS DE BERLANGA, QUE TINHA ACABADO FEITO BISPO DO PERU. AMBOS PARTIU PARA O PANAMÁ, E DEPOIS CONTINUAR POR TERRA PARA LIMA, MAS NO DECORRER DA VIAGEM FOI UMA TEMPESTADE QUE TROUXE O NAVIO PARA A NICARÁGUA, ONDE SE DECIDIU A SE ESTABELECER NO CONVENTO DE GRANADA. ESSA ERA A TERRA DAS ÍNDIAS QUE ELE GOSTAVA E EM 1535 PROPÔS O REI E DO CONSELHO, DE AS ÍNDIAS INICIAR UMA SOLUÇÃO PACÍFICA EM ÁREAS INEXPLORADAS DO INTERIOR. NO ENTANTO, APESAR DO INTERESSE DEMONSTRADO PELOS DIRETORES BERNAL DIAZ DAS ÍNDIAS DE LUCO E, MERCADO PEÑALOZA NÃO PODERIA FAZER ISSO PORQUE ELE ESTAVA AINDA EM TRIBUNAL FONSECA CLÃ, INIMIGO DO PROTECTOR. EM 1536 O GOVERNADOR DA NICARÁGUA RODRIGO DE CONTRERAS, ORGANIZOU UMA EXPEDIÇÃO MILITAR, MAS LAS CASAS GESTÃO PARA ADIAR UM PAR DE ANOS INFORMANDO A RAINHA ISABEL DE PORTUGAL, ESPOSA DE CARLOS V. DADA A HOSTILIDADE DAS AUTORIDADES, LAS CASAS DECIDIDO A DEIXAR A NICARÁGUA E ELE FOI PARA A GUATEMALA. EM NOVEMBRO DE 1536, ELE ESTABELECEU-SE EM SANTIAGO DE GUATEMALA. MESES MAIS TARDE O BISPO JUAN GARCES, QUE ERA SEU AMIGO, CONVIDOU-O A MOVER-SE PARA TLASCALA. MAIS TARDE, ELE VOLTOU A SE MOVER PARA A GUATEMALA. EM 2 DE MAIO DE 1537 OBTEVE O GRAU GOVERNADOR DON ALFONSO MALDONADO UM COMPROMISSO POR ESCRITO RATIFICADO EM 6 DE JULHO DE 1539 PELO VICE-REI DO MÉXICO DON ANTONIO DE MENDOZA , OS NATIVOS DE TUZULUTLÁN, QUANDO FORAM CONQUISTADOS, ELES NÃO SERIAM DADAS EM ENCOMIENDA, MAS QUE SERIA VASSALOS DA COROA. 39 LAS CASAS, JUNTAMENTE COM OUTROS FRADES COMO PEDRO DE ANGULO, E RODRIGO DE LADRADA PROCURADO QUATRO ÍNDIOS CRISTÃOS E ENSINOU-LHES CANÇÕES CRISTÃS, ONDE QUESTÕES BÁSICAS DO EVANGELHO EXPLICADO. ELE MAIS TARDE LEVOU UMA PROCISSÃO QUE TROUXE PEQUENOS PRESENTES PARA OS ÍNDIOS, TESOURAS, SINOS, PENTES, ESPELHOS, VIDRO COLARES DE CONTAS. E IMPRESSIONOU O CHEFE, QUE DECIDIU A SE CONVERTER AO CRISTIANISMO E SER UM PREGADOR DE SEUS SÚDITOS. O CACIQUE FOI BATIZADO COM O NOME DE JOÃO. OS NATIVOS CONCORDARAM EM CONSTRUIR UMA IGREJA, MAS UM OUTRO CHEFE CHAMADO COBAN QUEIMOU A IGREJA. JUAN, COM 60 HOMENS, ACOMPANHADOS DE LAS CASAS E PEDRO DE ANGULO, FOI FALAR COM OS ÍNDIOS DA COBAN E CONVENCEU-OS DE SUAS BOAS INTENÇÕES. 40 POSTERIORMENTE, OS DOMINICANOS ESTABELECEU LOCAIS PARA AS SUAS DOUTRINAS NAS CIDADES DE RABINAL, SACAPULAS E COBAN, ONDE LIDEROU A CONQUISTA PACÍFICA DE VERA PAZ. OUTRA VIAGEM TRANSATLÂNTICA VOLTOU A FREY BARTOLOMÉ DE LAS CASAS VOLTA PARA A ESPANHA EM 1540. EM VALLADOLID, VISITOU O REI CARLOS I DE ESPANHA E, V DO SACRO IMPÉRIO ROMANO. IMPERADOR CHARLES QUE, ENTRE SEUS MUITOS TÍTULOS ERA "REI CATÓLICO" DE 1517, PREOCUPADO COM A SITUAÇÃO DOS ÍNDIOS DA AMÉRICA E DANDO OUVIDOS ÀS DEMANDAS DE LAS CASAS E NOVAS IDEIAS DA LEI DAS NAÇÕES LIBERADO POR FRANCISCO DE VITORIA, ELE CONVOCOU O CONSELHO DE AS ÍNDIAS PELO COMISSÃO DE VALLADOLID E VALLADOLID DEBATE. ENTRE OS COMISSÁRIOS FORAM OS MAIS IMPORTANTES TEÓLOGOS E JURISTAS EUROPEUS DE SEU TEMPO. BARTOLOMÉ DE LAS CASAS, UM BREVE RELATO DA DESTRUIÇÃO DAS ÍNDIAS. EDIÇÃO 1552: COMO UM RESULTADO DO QUE FOI DISCUTIDO, O REI CHARLES I, E EMITIDAS EM 20 DE NOVEMBRO DE 1542 AS NOVAS LEIS. ELES PROIBIAM A ESCRAVIZAÇÃO DOS ÍNDIOS E, ORDENOU TODOS OS TRUSTES FORAM LIVRES E, FORAM COLOCADOS SOB A PROTEÇÃO DIRETA DA COROA. TAMBÉM ELES POSSUÍAM QUE, EM RELAÇÃO ÀS TERRAS DE PENETRAÇÃO ATÉ ENTÃO INEXPLORADA, DEVE SEMPRE SER FEITA ENTRE DOIS RELIGIOSOS QUE IRIA MONITORAR OS CONTATOS COM OS ÍNDIOS OCORRERÁ PACIFICAMENTE LEVANDO O DIÁLOGO QUE PROMOVERAM A SUA CONVERSÃO. AS NOVAS LEIS FORAM UMA DAS MAIS IMPORTANTES CONTRIBUIÇÕES PARA INTERNACIONAL LEI QUE TORNOU REI CHARLES I, COMO UM RESULTADO DE SUAS CONVERSAS COM FREY BARTOLOMÉ DE LAS CASAS. MAIS TARDE, NAQUELE MESMO ANO, TERMINOU A ELABORAÇÃO DE CASAS EM VALENCIA SUA OBRA MAIS CONHECIDA, A CONTA CURTO DA DESTRUIÇÃO DA ÍNDIAS, DIRIGIDA AO PRÍNCIPE FELIPE, FUTURO REI FILIPE II, ENTÃO RESPONSÁVEL PELOS ASSUNTOS INDÍGENAS. ELE FOI OFERECIDO O BISPADO DE CUZCO, IMPORTANTE NO MOMENTO, MAS AS CASAS NÃO ACEITOU, EMBORA ASSUMIU O BISPADO DE CHIAPAS EM 1543, PORQUE ABUTTED TUZULUTLÁN. ELE FOI CONSAGRADO BISPO DE CHIAPAS NO ANTIGO CONVENTO DOMINICANO DE SAN PABLO, EM SEVILHA, ATUAL PAROQUIA DE LA MAGDALENA, EM 30 DE MARÇO, DOMINGO DA PAIXÃO, DE 1544. PANDO MIRANDA DISSE QUE, NÃO ERAM FLORES E, LUZES MÚLTIPLAS VELAS NA IGREJA DO MOSTEIRO, NUVENS DE INCENSO, OURO E SEDAS NAS VESTES SAGRADAS DOS BISPOS CONSAGRANDO, QUE ERAM DE CÓRDOBA E O DE TRUJILLO, E UM SOBRINHO DO CARDEAL LOAISA. COMO BISPO DEDICOU-SE A RECRUTAR UM BOM NÚMERO DE MISSIONÁRIOS, A MAIORIA DO CONVENTO DOMINICANO DE SAN ESTEBAN DE SALAMANCA, PARA ACOMPANHÁ-LO EM SUA VIAGEM PARA CHIAPAS. NO ENTANTO, EM SEVILHA HAVIA QUESTÕES QUE EXIGIAM SUA ATENÇÃO. MUITOS MORADORES DA CIDADE TINHAM REDUZIDO A ÍNDIOS SERVIDÃO. ALGUNS TINHAM SIDO TRAZIDOS POR SEUS ENCOMENDEROS DA AMÉRICA E OUTROS TINHAM SIDO COMPRADO SECRETAMENTE PARA COMERCIANTES DE ESCRAVOS. OS ÍNDIOS, SABENDO QUE LAS CASAS ESTÁ LÁ, IR PARA O CONVENTO PARA RECLAMAR. “LAS CASAS CARLOS V DIRIGIDA UMA CARTA A DIZER QUE ELE ORDENOU A LIBERTAÇÃO DE TODOS OS ÍNDIOS DO REINO, PORQUE NA VERDADE ELES SÃO TÃO LIVRES QUANTO EU." ELE DEIXOU SEVILHA E CHEGOU A SANTO DOMINGO EM 8 DE SETEMBRO 1544 COM TRINTA MISSIONÁRIOS. ELES FORAM RECEBIDOS COM HOSTILIDADE PELOS ESPANHÓIS NAS AMÉRICAS, PELAS NOVAS LEIS DE AS ÍNDIAS TER DECRETADO. EM 14 DE DEZEMBRO DE 1544 ELE DEIXOU CLARO SANTO DOMINGO PARA CHIAPAS. DE 19 DE JANEIRO 1545, ELE DESEMBARCOU EM SAN LORENZO DE CAMPECHE, ONDE ELE SUPORTOU A HOSTILIDADE DOS MORADORES E DO GOVERNADOR, FRANCISCO DE MONTEJO. A PARTIR DESTA CIDADE, E DEPOIS DE PASSAR UM ALGUNS DIAS EM TABASCO, ELE FOI PARA CIUDAD REAL DE LOS LLANOS DE CHIAPAS. APÓS A CONQUISTA DO MÉXICO POR HERNÁN CORTÉS, A CIDADE TINHA CAÍDO NO GOVERNO DO CAPITÃO DIEGO DE MAZARIEGOS, QUE GOVERNOU COM ALGUMA DILIGÊNCIA, NORMAS E MANTER A SAÚDE PÚBLICA ADEQUADA E NÃO PERMITIR QUE CIRCULOU ANIMAIS SOLTOS. MAZARIEGOS TAMBÉM PREOCUPADO COM OS ÍNDIOS LHES DEU A PROPRIEDADE DA TERRA E DISSE-LHES QUE, SE QUALQUER ESPANHOL TOMAR UM INTERESSE NELES PODERIA PAGÁ-LOS, A CERTEZA DE QUE O SEU DESCANSO SEMANAL FORAM RESPEITADOS, CRIOU UMA ESCOLA ONDE ELES PODERIAM IR OS FILHOS DE CHEFES E LÍDERES E ASSIM EM. A IGREJA FOI ESTABELECIDA NA CIDADE, A IGREJA DA ANUNCIAÇÃO, QUE ESTAVA SOB A JURISDIÇÃO DO BISPO DE TLAXCALA, MAS COM O CRESCIMENTO DA CIDADE SE TORNOU A DIOCESE, O SEU PRIMEIRO BISPO DON JUAN DE ARTEAGA, E SEU SUCESSOR BARTOLOMÉ DE LAS CASAS POSSUIR. NO ENTANTO, QUANDO LAS CASAS CHEGOU, A CIDADE JÁ NÃO DESCARTOU MAZARIEGOS, A TERRA DOS ÍNDIOS TINHA PASSADO PARA NOVAS MÃOS E ESTES FORAM SUBJUGADOS SEM NINGUÉM TER EM CONTA OS SEUS INTERESSES. NO FINAL DE FEVEREIRO 1545 FOI QUANDO BARTHOLOMEW ASSUMIU O CARGO, E EM 20 DE MARÇO PUBLICOU UMA CARTA NA QUAL ELE DISSE QUE A ABSOLVIÇÃO RECUSOU-SE A TODOS OS ESPANHÓIS QUE OS SEUS ÍNDIOS NÃO LIVRE NÃO DEVOLVER O PRODUTO PARA AS ENCOMENDAS PARA OS ÍNDIOS. TODOS OS ESPANHÓIS OPOSIÇÃO, MAS LAS CASAS ENCONTROU O APOIO DOS MISSIONÁRIOS DOMINICANOS E O CLÉRIGO JUAN DE PARERA. LAS CASAS DECIDIDO A FAZER UMA BREVE VISITA A TUZULUTLÁN PARA VERIFICAR O SUCESSO DA SUA PAZ, A MISSÃO E, DEPOIS VOLTOU PARA CHIAPAS. LAS CASAS PERMANECEU NA CIDADE ATÉ 1545 DE OUTUBRO, QUANDO ELE FOI PARA AGRADECER A DEUS , A PROCURAR AJUDA DO PÚBLICO, PRESIDIDO POR ALONSO MALDONADO. MALDONADO NÃO ATENDERAM AO LAS CASAS E VOLTOU PARA CHIAPAS. PARA GARANTIR O CUMPRIMENTO DE NOVAS LEIS FOI ENVIADO PARA A ÍNDIA, O ADVOGADO FRANCISCO TELLO DE SANDOVAL. ELE DESEMBARCOU EM SAN JUAN DE ULÚA E DEPOIS FOI PARA A CIDADE DO MÉXICO, ONDE PERMANECEU EM UM CONVENTO DOMINICANO. HAVIA MUITOS ESPANHÓIS SE OPÕEM À LEGISLAÇÃO, TAIS COMO O VICE-REI ANTONIO DE MENDOZA, E COM O MONARCA DE ABOLIR AS NOVAS LEIS FORAM ENVIOU UMA DELEGAÇÃO PARA FALAR. AS NOVAS LEIS ENCONTROU DIFICULDADES NA SUA APLICAÇÃO FINAL, ESPECIALMENTE EM RELAÇÃO À COMISSÃO DE DIREITOS DE HERANÇA. BARTOLOMÉ DE LAS CASAS FOI CHAMADO POR FRANCISCO TELLO A CIDADE DO MÉXICO E TEVE DE PARTIR, DEIXANDO NO LUGAR DO CÂNONE JUAN DE PAREDA. EM MAIO DE 1546 ELE CHEGOU NA CIDADE DO MÉXICO COM SEU AMIGO RODRIGO DE LADRADA. NA CIDADE ELE SE JUNTOU A UM CONSELHO EPISCOPAL, ONDE OS BISPOS DO MÉXICO, TLAXCALA, GUATEMALA, MICHOACÁN E OAXACA FORAM. NESSA REUNIÃO ELES DISCUTIRAM OS ÍNDIOS, VENCENDO A TESE DE LAS CASAS, EM REFERÊNCIA À CAPACIDADE DE OS ÍNDIOS E OS DEVERES QUE TIVERAM COM A COROA. FRANCISCO TELLO DECIDIU SUSPENDER A IMPLEMENTAÇÃO DAS NOVAS LEIS ATÉ QUE A QUESTÃO DA DELEGAÇÃO QUE TINHA IDO PARA FALAR COM O MONARCA FOI RESOLVIDO E IRIA RECEBER A NOTÍCIA DE QUE O REI SUSPENDEU-O REFERINDO-SE A HERANÇA, PERMITINDO PARCELAS JÁ DADAS FORAM TRANSMITIDOS. FREY BARTOMELEY LAS CASAS, DECIDIDO A VOLTAR PARA A ESPANHA EM 1547 PARA LUTAR PELO BEM-ESTAR DOS ÍNDIOS DA METRÓPOLE. EMBARCOU EM VERACRUZ, ELE PAROU NOS AÇORES, EM SEGUIDA, DESEMBARCOU EM LISBOA E FOI PARA SALAMANCA. EM AGOSTO 1550, ELE APRESENTOU SUA RENÚNCIA IRREVOGÁVEL COMO BISPO DE CHIAPAS E CONSEGUIU A INDICAÇÃO PARA SUBSTITUIR UM DOS SEUS DISCÍPULOS, FREY TOMAS CASILLAS. EM 10 DE MARÇO DE 1551 BARTHOLOMEW FOI NOMEADO BENEFICIÁRIO DO ESPÓLIO DE DON JUAN ECIJA, E USOU ESSE DINHEIRO PARA GARANTIR A MANUTENÇÃO DE SI MESMO E, SEU AMIGO RODRIGO DE LADRADA, CONFESSOR PARA O RESTO DE SEUS DIAS NA UNIVERSIDADE DOMINICANA DE SAN GREGÓRIO, EM VALLADOLID. EM VALLADOLID, ENTRE 1550 E 1551, ELE MANTEVE UMA CONTROVÉRSIA COM JUAN GINES DE SEPÚLVEDA CHAMADA "CONTROVÉRSIA DE VALLADOLID", QUE INCIDIA SOBRE A LEGITIMIDADE DA CONQUISTA. DISCUTIDO QUE GANHOU ESSA DISPUTA, UMA VEZ QUE AMBOS OS VENCEDORES FORAM CONSIDERADAS, NO ENTANTO O TRABALHO DE GINES DE SEPÚLVEDA NÃO OBTER A PERMISSÃO PARA PUBLICAÇÃO. EM 1552 ELE CHEGOU A SEVILHA, ONDE PUBLICOU VÁRIAS DE SUAS OBRAS. ELE ESTAVA ACOMPANHADO POR 20 MISSIONÁRIOS QUE FORAM CAPAZES DE RECRUTAR E QUE PASSOU A EXPEDIÇÃO DA MARINHA PARA O PORTO DE CAVALOS. ESSES MISSIONÁRIOS LEVARAM O TRATADOS SETE DE LAS CASAS. EM UMA DE SUAS OBRAS INTITULADAS UM BREVE RELATO DA DESTRUIÇÃO DA ÍNDIAS ALUDE BASTANTE CRÍTICO PARA A EXIGÊNCIA DE 1512, ESCRITO POR ORDEM DO DOCUMENTO FERNANDO II DE ARAGÃO PARA SER USADO COMO UMA PROCLAMAÇÃO OFICIAL NO CONTEXTO DAS LEIS DE BURGOS, ESCRITO POR JUAN LOPEZ DE PALÁCIOS RUBIOS, FOI DESENVOLVIDO COMO UMA RESPOSTA AO LEVANTADAS SOBRE A IMPARCIALIDADE DA DISCUSSÃO CONQUISTA DA AMÉRICA, A PARTIR DOS SERMÕES DO FRADE DOMINICANO ANTONIO DE MONTESINOS, FEITA NA ILHA DE ESPANHOL EM DEZEMBRO DE 1511. ESTE EXIGÊNCIA TAMBÉM FOI MUITO QUE CRITICADAS COMO INEFICIENTES POR OUTROS CONTEMPORÂNEOS, COMO GONZALO FERNÁNDEZ DE OVIEDO, E BARTOLOMÉ DE LAS CASAS REFERE-SE A QUESTÃO: E PORQUE PERNICIOSÍSSIMA CEGUEIRA QUE ATÉ HOJE SEMPRE FORAM AQUELES QUE TÊM REGIDO A ÍNDIA, A FIM DE TER E CONVERSÃO DESSAS PESSOAS. ATINGIU TAIS PROFUNDIDADES QUE TER IMAGINADO E PRATICADOS E ORDENOU QUE ELES FAZEM COM OS REQUISITOS INDIANOS VIR A E A FÉ PRESTAR OBEDIÊNCIA AOS REIS DE CASTELA, SE NÃO ELES VÃO FAZER GUERRA COM FOGO E SANGUE, E A MATANÇA E CATIVAR. OS ÚLTIMOS ANOS DE BARTOLOMÉ DE LAS CASAS GASTO EM MADRID. FOI NO CONVENTO DE SAN PEDRO MÁRTIR E, DEPOIS PARA ATOCHA, ACOMPANHADO POR SEU AMIGO FREY LAVRADA. FREY BARTOLOMÉ DE LAS CASAS, CONHECIDO COMO O APÓSTOLO DOS ÍNDIOS, MORREU NAQUELA CIDADE EM 1566. ELE FOI ENTERRADO EM ATOCHA EMBORA MAIS TARDE E SUA DISPOSIÇÃO TESTAMENTÁRIA, SEUS RESTOS MORTAIS FORAM TRANSFERIDOS PARA VALLADOLID. EM 2002 A IGREJA CATÓLICA COMEÇOU O PROCESSO DE BEATIFICAÇÃO DE BARTOLOMÉ DE LAS CASAS. POR SEU LADO, A IGREJA LUTERANA INCLUI-LO NAS COMEMORAÇÕES DO SEU CALENDÁRIO DE SANTOS DO LUTERANA. JUNTAMENTE COM FRANCISCO DE VITORIA, BARTOLOMÉ DE LAS CASAS, É CONSIDERADO UM DOS FUNDADORES DO DIREITO INTERNACIONAL MODERNO E, UM GRANDE PROTETOR DOS ÍNDIOS E PRECURSOR DOS DIREITOS HUMANOS POR PARTE DO JESUÍTA PORTUGUÊS ANTÓNIO VIEIRA. EMBORA A PARTIR DE PERSPECTIVAS OPOSTAS, TANTO ELE COMO VITÓRIA TEVE O CUIDADO DO PROBLEMA EM TORNO DO QUAL O DIREITO DAS NAÇÕES SURGIRAM NOS TEMPOS MODERNOS: A DEFINIÇÃO DAS RELAÇÕES ENTRE OS IMPÉRIOS EUROPEUS E DOS POVOS DO NOVO MUNDO. ESTA TAREFA NECESSÁRIA A CRIAÇÃO DE UMA SUFICIENTEMENTE AMPLA PARA SER QUADRO JURÍDICO VÁLIDO TANTO PARA OS EUROPEUS E ABORÍGINES. A TRADIÇÃO JURÍDICA QUE FOI USADO PARA ESTA FINALIDADE ERA PRECISAMENTE O DE DIREITO NATURAL, QUE FOI TOMADA A PARTIR DA DIREITA MEDIEVAL E DA FILOSOFIA ESTOICA. LAS CASAS SENTIU QUE OS ÍNDIOS TINHAM USO DA RAZÃO, TANTO QUANTO OS ANTIGOS GREGOS E ROMANOS, E COMO CRIATURAS RACIONAIS ERAM SERES HUMANOS. COMO TAL, OS ÍNDIOS FORAM PROTEGIDA POR LEI NATURAL E ERAM TITULARES DE DIREITOS A LIBERDADE E PARA NOMEAR SUAS AUTORIDADES. SUA CONTRIBUIÇÃO PARA A TEORIA E PRÁTICA DOS DIREITOS HUMANOS PODE SER VISTO EM SUA OBRA "UM BREVE RELATO DA DESTRUIÇÃO DA ÍNDIAS", QUE, SENDO ESCRITO EM A MEADOS DO SÉCULO XVI, É O PRIMEIRO RELATÓRIO MODERNO DOS DIREITOS HUMANOS. ELE DESCREVE AS ATROCIDADES A QUE FORAM SUBMETIDOS OS POVOS INDÍGENAS DAS AMÉRICAS PELOS CONQUISTADORES ESPANHÓIS. UM PARÁGRAFO PODE DAR UMA IDEIA DOS ACONTECIMENTOS QUE NARRA ESTE LIVRO: "MAIS UMA VEZ, ESSE TIRANO MESMO FOI PARA UMA CIDADE CHAMADA COTA, E LEVOU MUITOS ÍNDIOS FIZERAM LÁGRIMA OS CÃES QUINZE OU VINTE SENHORES E NOBRES, E CORTAR MUITO MUITAS MÃOS DE MULHERES E HOMENS, E AMARRADO EM CORDAS E COLOCÁ-LOS PENDURADOS EM UMA VARA PARA LUENGA, PORQUE VIA OS OUTROS ÍNDIOS QUE HAVIAM FEITO PARA AQUELES, QUE TERIA SETENTA PARES DE MÃOS, E CORTAR MUITOS NARIZES MULHERES E CRIANÇAS ". NA SUA HISTÓRIA DAS ÍNDIAS, ELE DESENVOLVEU MUITO MAIS AMPLAMENTE AS ATROCIDADES DESCRITAS NO RESUMO. POR UM LONGO TEMPO ELE FOI DITO QUE O DOMINICANA EXAGERADOS NA DESCRIÇÃO DE SUAS ATROCIDADES. NO ENTANTO, ESTUDOS MAIS RECENTES TÊM DOCUMENTADO MUITAS DAS ATROCIDADES QUE ELE DESCREVEU MOSTRANDO QUE NEM EXAGERANDO QUANDO NARRAR OS ATOS VIOLENTOS PERPETRADOS PELOS CONQUISTADORES, APESAR DE TER DEFENDIDO A LIBERDADE DOS ÍNDIOS E QUESTIONOU SUA DEFESA DOS NEGROS CONHECIDOS QUE ESCREVERAM UM PANFLETO INTITULADO UMA BREVE RELATO DA DESTRUIÇÃO DA ÁFRICA COMO UM PRELÚDIO PARA UMA CONTA RESUMIDA A DESTRUIÇÃO DA ÍNDIAS, CONTRA O ABUSO DA POPULAÇÃO AFRICANO CONTRA OS ABUSOS DE CASTELA E PORTUGAL. BARTOLOMÉ DE LAS CASAS PROPÔS, SEM SUCESSO, QUE O CONTINENTE AMERICANO O CHAMOU COLÚMBIA. DISPUTA OU CONTROVÉRSIA COM GINÉS DE SEPÚLVEDA ARGUMENTANDO SOBRE A LEGALIDADE DAS CONQUISTAS DAS ÍNDIAS. SEVILLA: 1552. REMÉDIOS MEMORIAL PARA INDIAN, 1518, TAMBÉM CONHECIDO COMO OS QUINZE REMÉDIOS PARA A REFORMA DAS ÍNDIAS. AS VOCACIONAIS MODO ÚNICO, CONHECIDA EM ESPANHOL COMO A ÚNICA MANEIRA DE ATRAIR TODAS AS PESSOAS PARA A VERDADEIRA RELIGIÃO, 1537. EM 1552 REGRESSOU A SEVILHA, ONDE ELE PUBLICOU LIVROS QUE TINHAM SIDO ESCRITOS ANTERIORMENTE: AQUI ESTÁ UMA DISPUTA OU CONTROVÉRSIA ENTRE FREY BARTOLOMÉ DE LAS CASAS [...] E DOUTOR GINES DE SEPULVEDA, 1552. PEDIDO DE BARTOLOMÉ DE LAS CASAS SUA SANTIDADE PIO V SOBRE OS NEGÓCIOS DA ÍNDIA, 1566. LAS CASAS COMEÇOU A COMPOR UMA HISTÓRIA DAS ÍNDIAS EM ESPANHOL EM 1527. ELE ESTAVA TRABALHANDO NELE DURANTE OS PRÓXIMOS 35 ANOS, COM MAIS INTENSIDADE A PARTIR DE SEU RETORNO À ESPANHA EM 1547. ELE QUERIA A CONTAR A HISTÓRIA DO CONTINENTE ATÉ MEADOS SÉCULO XVI, MAS O TEXTO MANUSCRITO CONSERVADO EM TRÊS VOLUMES, SÓ VAI ATÉ A 1520, O QUE LEVOU ALGUNS PESQUISADORES A POSTULAR QUE PODERIA SER UM QUARTO VOLUME PERDIDO AGORA. LAS CASAS LEGOU O MANUSCRITO INÉDITO ORIGINAL DE SUA HISTÓRIA EM O COLÉGIO DE SAN GREGÓRIO DE VALLADOLID , EM NOVEMBRO DE 1559, DETERMINOU QUE NÃO DEIXARIA SEU POSTO ATÉ PELO MENOS 1600. NO ENTANTO, AO LONGO DAS DÉCADAS SEGUINTES CIRCULAVAM ESPANHA E NO ESTRANGEIRO CÓPIAS PARCIAIS DO MANUSCRITO. EM O INÍCIO DO SÉCULO XVII, A MAIOR CRONISTA ANTONIO DE HERRERA USADO PROFUSAMENTE O TRABALHO DE LAS CASAS PARA ESCREVER SUA HISTÓRIA GERAL DOS FACTOS DOS CASTELHANOS. NO SÉCULO XVIII, O HISTORIADOR JUAN BATISTA MUÑOZ, QUE TINHA SIDO ENCOMENDADO PELO GOVERNO PARA ESCREVER UMA HISTÓRIA DO NOVO MUNDO QUE NUNCA VIU A LUZ, ELE ENCONTROU CÓPIAS DOS DOIS PRIMEIROS VOLUMES DO MANUSCRITO DE LAS CASAS EM UM ARQUIVO. EM 1820 DOCUMENTOS MUÑOZ FORAM PARA A REAL ACADEMIA DE LA HISTORIA, QUE REVISA. EM 1821 GOVERNOU ACADÊMICA CONTRA A PUBLICAÇÃO DA HISTÓRIA DE LAS CASAS "PELO PROLIXO E DIGRESSÕES IMPORTUNOS QUE FAZEM LEITURA PESADA E TEDIOSA, E PORQUE, SEMPRE CONTRADIZENDO O DIREITO DA CONQUISTA ESPANHOLA E PERPETUAMENTE ACRIMINANDO SUA CONDUTA, ELE ENCONTROU NAS ACTUAIS CIRCUNSTÂNCIAS, NEM QUE SEJA APROPRIADO NEM PUBLICAÇÃO ATEMPADA, NEM DECOROSA AO AUTORIZAR NAÇÃO. POR ESTA ALTURA A ESPANHA ESTAVA IMERSO NA INDEPENDÊNCIA DA AMÉRICA ESPANHOLA. “VÁRIAS DÉCADAS DEPOIS, EM 1856, UMA NOVA GERAÇÃO DE ESTUDIOSOS RECOMENDOU A PUBLICAÇÃO DE UMA EDIÇÃO CRÍTICA DO MANUSCRITO MOSTRADA NA FORMA QUE EXIGE A VERDADE E REIVINDICAR A HONRA DAQUELES PRIMEIROS CONQUISTADORES”. A PRIMEIRA EDIÇÃO IMPRESSA DA HISTÓRIA DAS ÍNDIAS FOI FINALMENTE PUBLICADA EM MADRID EM 1875 EM CINCO VOLUMES. NAS DÉCADAS SEGUINTES FORAM VER A LUZ OUTRAS QUESTÕES. O MANUSCRITO AUTÓGRAFO DE LAS CASAS É PRESERVADO NA BIBLIOTECA NACIONAL DE ESPANHA. ATÉ 1975 ELE FOI ADMITIDO COMO O ANO PROVÁVEL DO NASCIMENTO DE BARTOLOMEY DE LAS CASAS 1474, APOIADO POR SEU PRIMEIRO BIÓGRAFO, ANTONIO DE REMESAL, TANTAS FONTES CONTINUAR A REPETIR ESSES DADOS. EM 1975, O HISTORIADOR HELEN R. FREGUESIA APRESENTOU UM DOCUMENTO PROVANDO QUE, EM 1516, LAS CASAS-SE REIVINDICOU PARA TER 31 ANOS DE IDADE, UM DEPOIMENTO PARA UM TESTE, COMO BEM. NO ENTANTO, INÁCIO PÉREZ FERNÁNDEZ, TALVEZ O MAIS CONHECIDO DA MODERNA LAS CASAS, ELE TENTOU OUTRO DOCUMENTO QUE O PAI DE LAS CASAS REIVINDICOU A TER 50 ANOS EM 1514, E, PORTANTO, TERIA 10 EM 1474. MESMO ASSIM, A MAIORIA DAS FONTES MODERNAS ELES CONCORDAM QUE O ANO PROVÁVEL DO PARTO ESTÁ PRÓXIMO DE 1484. "UMA VEZ, SAINDO PARA RECEBER COM DEZ LIGAS MANUTENÇÃO E PRESENTES DE UM GRANDE POVO, E CHEGOU LÁ, NÓS TEMOS MUITO PEIXE E PÃO E TUDO ELES PODERIAM MAIS DÊ REPENTE ELES COBRIRAM AS CRISTÃOS DIABO E COLOCOU UMA FACA NA MINHA PRESENÇA, SEM RAZÃO OU CAUSA QUE TEVE, MAIS DE TRÊS MIL ALMAS QUE ESTAVAM SENTADOS EM FRENTE DE NÓS, HOMENS E MULHERES E CRIANÇAS LÁ VIDE TÃO GRANDE CRUELDADES QUE VIVEM “NUNCA VISTO OU PENSADO COMO UM PONTO DE VISTA.” ->NOSSA OPINIÃO: QUEM IGNORA O PASSADO DESCONHECE A PRÓPRIA HISTÓRIA. AQUELE QUE NÃO TEM UMA HISTÓRIA NÃO PODE TER UM PASSADO E, JAMAIS TERÁ UM PRESENTE PARA CONSTRUIR UM FUTURO QUE LHE FAÇA JUSTIÇA. EU SOU UM LAS CASAS QUE, JÁ FOI CASAOUX DA JUDÉIA, ONDE NASCEU E, VIVEU JESUS DE NAZARETH, O NOSSO CRISTO REDENTOR.
GÉSNER LAS CASAS
RADIALISTA, ARTISTA PLÁSTICO, COMENDADOR DE TOBIAS DE AGUIAR & JORNALISTA
LAS CASAS
Enviado por LAS CASAS em 12/05/2017
Código do texto: T5996993
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LAS CASAS
Marília - São Paulo - Brasil, 76 anos
427 textos (3216 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/05/17 08:10)
LAS CASAS