Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Canto Antigo


Não é um canto novo, é canto antigo.
Que fala de amor e da esperança
Da alegria do estar junto, na tristeza do não ver.
Exprime a ansiedade do toque, a carência da presença. 
Do maravilhoso momento do encontro
Da soma das essências... fusão.,..
Canção cantada pela lua e estrelas
Na suavidade do sereno do amanhecer ...
No esplendor do alvorecer colorindo o horizonte !
Momentos mágicos, que não se repetem.
Único, eternizado pela doçura das lembranças.
Desejado, esperado com a devoção de almas que oram.
Pedindo ao Criador uma vez mais, e outra e mais outra.
Lágrimas de saudades que rolam pelas faces da saudade,
Sorrisos que brotam nos lábios pelas lembranças.
O encanto do encontro e o momento que passa rápido
Nunca suficiente nunca completo.
Sempre faltando algo, incompleto, insaciável paixão.
Incógnita sem solução, onde saciados se sente com sede.
Bebendo da fonte eterna, manjar dos deuses.
Que sempre querem mais, Ambrosina eterna.
Repleta e vazia, soma e divisão.
Juntos e separados, meta sem solução.
Meu canto é um dueto mesmo cantando a sós.
Deusa ciumenta e bondosa ou Lilith
Insaciável vontade do ter, ser, sermos.

Dione Fonseca ( Mamuzinha)
Enviado por Dione Fonseca ( Mamuzinha) em 02/10/2007
Reeditado em 02/10/2007
Código do texto: T677963
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para o site "www.sitedoautor.net"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dione Fonseca ( Mamuzinha)
Varginha - Minas Gerais - Brasil
537 textos (41349 leituras)
2 e-livros (294 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 15:46)
Dione Fonseca ( Mamuzinha)

Site do Escritor