Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O FAX DE JESUS

             Certa família que passava por dificuldades financeiras, inclusive para manter seus próprios filhos; recebeu de Jesus um fax, que fez, principalmente o marido a mudar de idéia.
             Vocês perguntarão: recebeu um fax der Jesus? - eu explico-

             "Ao participar de um grupo de orações, foi apresentado a esse casal a incumbência de adotar uma criança, vinda de uma família cujo casal era aidético, e não tinha a mínima condição de criar aquela criaturinha.
             A esposa, em seu coração, sem titubear aceitou. Porém, o marido, sabendo das dificuldade porque passava nesse momento para mater os filhos existentes, na impossibilidade de cuidar de mais um, não deu a resposta imediatamente.
             Foram para a casa, pensando em uma maneira de solucionar a questão.
             Passado alguns dias, receberam um telefonema da coordenadora do grupo de orações, informando-lhes que aquela criança chegaria à casa deles no dia seguinte e se eles estariam de acordo.
             Não puderam dar a resposta de imediato. Eles queriam, porém, a situação financeira não permitia. Pediram um prazo para dar a resposta.
             O casal dirigiu-se a um altar existente em sua casa, onde faziam suas orações diárias.
             O marido,  ao conversar com Jesus, pediu a Ele que lhe mandasse um sinal. E foi taxativo em dizer:
             Senhor, passa-me um fax, dizendo aquilo que devo fazer!
             Nessa hora ele abriu aleatoriamente a Bíblia e deparou com o Livro do Eclesiástico Capítulo 4, que dizia:"

             Meu filho, não recuse ajudar o pobre, e não seja  insensível   ao olhar dos necessitados.
             Não faça sofrer aquele que tem fome, e não piore a situação de quem está em dificuldade.
             Não perturbe mais ainda  a quem já está desesperado, e não se negue a dar alguma coisa ao necessitado. Não rejeite a súplica de um pobre, e não desvie do indigente o seu olhar. Não desvie o olhar daquele que pede alguma coisa para você, e não dê ocasião para que alguém o amaldiçoe, porque se uma pessoa amaldiçoa você com amargura, o Criador atenderá ao pedido dela.
             Seja simpático para a comunidade, e diante de um grande abaixe a cabeça. Incline o ouvido ao pobre e responda com delicadeza à saudação dele. Arranque o oprimido do poder do opressor, e não seja covarde em fazer justiça. Seja como um pai para os orfãos e como um marido para a mãe deles. Desse modo, você será como um filho do Altíssimo, e o Altíssimo amará você mais do que  a sua própria mãe.
             E FOI ASSIM QUE JESUS TOCOU O CORAÇÃO
             DAQUELE HOMEM, DANDO-LHE CONDIÇÕES DE
             MATER MAIS UMA CRIATURA DE DEUS DENTRO
             DO SEU LAR.
             HOJE, AQUELA CRIANCINHA JÁ CRESCEU E RECE-
             BE DO CASAL, COMO SEMPRE RECEBEU, O MES-
             MO AMOR QUE ELES DISPENSAM AOS  FILHOS
             BIOLÓGICOS.
                                         Antônio Oliveira  (Paraibuna   SP)

Obs:- Este texto foi baseado em um testemunho de um casal em um programa de televião.



























Antônio Oliveira
Enviado por Antônio Oliveira em 07/10/2007
Código do texto: T684705
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antônio Oliveira
São Paulo - São Paulo - Brasil, 72 anos
702 textos (561395 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 01:13)
Antônio Oliveira