Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

memória


silenciosamente procuro na minha memória um pouco de ti. há muitos anos tu resplandecias. na minha meninice, na inocência, eu sorria ao teu teatro e às histórias que contavas à cabeceira da minha cama. mas foram tão poucos esses momentos. de repente,  foste caindo na minha escala de importância. olhava-te com tristeza.

agora sentes a dor. eu sei que sentes. não há corações de pedra, ou seja lá o que for que rege os sentimentos e emoções.
lunapensativa
Enviado por lunapensativa em 07/05/2005
Código do texto: T15329
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lunapensativa
Portugal, 44 anos
114 textos (10364 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:46)
lunapensativa