Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

...

procuro um refúgio para me esconder dos socialmente acomodados. sinto a falta de olhos brilhantes, distantes mas cúmplices entre si. corpos de eterna expressão. infantis no seu querer agarrar o sono e compreender o mundo.

num refúgio da ribeira encontrei rostos artísticos que partilham a mesma paixão. a poesia. não somente palavras que se dizem por dizer ou que se dizem intectualmente falando. a importância da palavra vem de dentro, de estados de espírito que nos avivam fascínios ou melancolia ou revoltas incontidas. e ao proferi-las damos de nós lentamente. oferecemo-nos como dádivas especiais que foram agarradas no ar num momento de magia.

é a poesia comunicação. e quando a sentimos, quando mergulhamos no seu colo, sossegamos todas as nossas revoltas. apuramos toda a nossa melancolia. despertamos os nossos maiores fascínios. num só grito.
lunapensativa
Enviado por lunapensativa em 10/05/2005
Código do texto: T16031
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lunapensativa
Portugal, 44 anos
114 textos (10364 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:55)
lunapensativa