Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PONTO & LINHA - MILA BEHRENDT

“O que interessa de fato
Não é o ponto final
Mas o ponto de partida.”
Mila Behrendt

O conto infantil não é um ponto perdido nas recordações, mas um legítimo ponto de partida para o tear da vida...
As palavras deixam transparecer a realidade nos véus coloridos das fantasias. A reflexão surge no entusiasmo de um colorido começo. O projeto de viagem, guardado no baú abandonado de memórias, é revigorado no pensamento amadurecido e alinhavado com os sonhos dos céus inaugurais...
Mila Behrendt costura nossas vivências na continuidade de um belo livro infantil desde as primeiras reticências com a explosão da história e o nascimento do universo. O livro “Ponto & Linha” borda com delicadeza o imaginário da criança com versos bem pontuados e com as suaves linhas da fantasia.
O ponto solitário pendurado no céu, sedimentado no ventre, é o ponto de partida. Os sonhos tecem realidade, as linhas se cruzam e os pontos assumem características humanas: apaixonam-se, renascem, choram, desapontam-se, assustam-se e seduzem... Novos pontos intercalam as palavras com novas alegorias. Interrogações e exclamações pontuam as novas linhas.
O nascimento do universo dá continuidade à origem do amor, aos pontos semeados no mundo, às possíveis exclamações de alegria, aos tantos questionamentos de nosso papel no mundo...
“Sou eu, mamãe... – responde com voz fraquinha o neném!”
As emoções entoam canções na lua cheia, abrindo a linha do coração. Amadurecemos no romantismo dos primeiros encontros, na constância do verdadeiro amor... A vida segue o curso, alinhava, em seu leito, novos rios, novas linhas... Somos surpreendidos com rotinas pontuais com linhas de produção e linhas cruzadas...
Como o ponto desapontado diante da indiferente janela que se fecha, desapontamo-nos com as misérias que nos cercam, com as portas cerradas que encontramos, com as próprias limitações... Como o ponto enfraquecido, também pensamos em parar, decidimos ancorar nossas expectativas, mas a continuidade da linha sempre nos faz renascer para novas reticências...
“O ponto de chegada e o ponto de partida não são pontos diferentes são apenas pontos missionários que trabalham noite e dia sem horário – sem salário.”
Mila Behrendt encerra sua viagem na linha bem definida do horizonte. A autora, em sua trajetória infantil, canta os versos de nossos encantos e desencantos e nos ensina a criar novos horizontes construídos com pontos possíveis e fortes linhas.
O livro Ponto & Linha é ilustrado por Graça Lima. As imagens são verdadeiros alimentos para a interpretação da magia de cada palavra do belo conto de pontos e linhas. O ponto de mira, a linha do fogo cruzado, o ponto enamorado, a linha do horizonte...  Um belo bordado de versos e de gravuras.
Cidadã do mundo, contadora de histórias, escritora, pesquisadora dos contos de fadas, Mila Behrendt agora nos presenteia com o brilho exposto na linha bem definida de nosso mundo infantil.
“No princípio... era só um pontinho...”

“Ponto & Linha” foi lançado na Livraria Curitiba do Shopping Estação com uma grande festa no sábado, dia 27 de março de 2004. Na ocasião, os personagens infantis ganharam o salão e podíamos tropeçar com magos, bruxas e fadas, enquanto a autora contava histórias, vestida de... Deixo o caminho de pontos para que o leitor possa traçar as linhas da fantasia da autora.


Helena Sut
Enviado por Helena Sut em 25/01/2005
Código do texto: T2384
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Helena Sut
Curitiba - Paraná - Brasil, 46 anos
614 textos (783662 leituras)
2 áudios (1247 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/16 12:42)
Helena Sut

Site do Escritor