Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JUAZEIRO – BAHIA – TRAFICANTE COLOMBIANO (30/08/2007)

           A fazenda de nome Muriad era uma das grandes produtoras de frutas para exportação, mas servia de fachada e base para o tráfico de drogas. Possuía várias propriedades, todas bem organizadas, inclusive uma área de 100 hectares irrigada, para cultivo de uvas.
A Polícia Federal, baseada nas informações da central de inteligência, invadiu e prendeu os proprietários, cujo chefe principal, como não poderia deixar de ser, era o colombiano de nome Gustavo Duran Bautista.
Novamente a máfia colombiana mostrou as suas garras, atuando agora no interior da Bahia, e tudo leva a crer que seja uma extensão da quadrilha desbaratada em São Paulo, comandada pelo maior traficante de drogas do mundo: Juan Carlos Ramirez, abordado nesta resenha no dia 09/08/2007.
O sistema era simples e consistia na exportação de frutas para a Holanda e outros países usando caixas de papelão com fundo falso, onde era acondicionada a cocaína, e não despertava a atenção de ninguém, para descobrir ou desconfiar desta engenhosa manobra ocultista.
Só um malandro drogado sabe como camuflar alguma coisa com cara de outra coisa. O negócio que realmente dava dinheiro era a cocaína. A fruta era disfarce.

MARAGATO COLORADO
Enviado por MARAGATO COLORADO em 21/09/2007
Código do texto: T662662

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MARAGATO COLORADO
Salvador - Bahia - Brasil
161 textos (9493 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 10:38)
MARAGATO COLORADO